Sociedade Musical de Cascais
Filarmónicas de Cascais

Bandas de Música, história e atividades

  • Banda da Sociedade de Instrução e Recreio de Janes e Malveira
  • Banda da Sociedade Familiar e Recreativa da Malveira da Serra
  • Banda da Sociedade Musical Sportiva Alvidense
  • Banda da Sociedade Musical União Paredense
  • Banda da Sociedade Recreativa Musical de Carcavelos
  • Banda do Grupo de Solidariedade Musical e Desportiva de Talaíde
  • Banda do Grupo Recreativo e Dramático 1º de Maio de Tires “Filarmónica 1º de Maio”
  • Banda Domingos Sávio – Fundação Salesianos
  • Sociedade Musica de Cascais
Banda da Sociedade de Instrução e Recreio de Janes e Malveira

A SIRJM foi fundada em 1938, com os objetivos de instruir, beneficiar e recrear os associados. Nesta sequência, nasce uma escola de música, da qual sairiam os músicos que, a 29 de outubro do mesmo ano, protagonizaram a primeira atuação da então designada Tuna da Sociedade, percursora da Banda de Música. A coletividade tem sede própria desde 1945. A Banda Filarmónica propriamente dita surgiu em 1963, dando assim outra projeção ao fenómeno musical em Janes.

SIRJM

Banda da Sociedade de Instrução e Recreio de Janes e Malveira

Banda da Sociedade de Instrução e Recreio de Janes e Malveira

A partir de 1979, a Escola de Música conheceu um período de estagnação. Em 1987, a Escola foi reativada e passou a constituir, de novo, o grande suporte de renovação da Banda. Hoje a Filarmónica tem 50 executantes e atua em numerosos eventos e festividades. A banda é regida desde 1998 pelo Maestro Carlos Medinas.

Banda da Sociedade Familiar e Recreativa da Malveira da Serra

A Sociedade Familiar e Recreativa da Malveira da Serra completou 75 anos no dia 14 de fevereiro de 2016. Uma sessão solene, com entrega de emblemas a sócios antigos, e uma atuação musical da banda filarmónica da coletividade preencheram o dia.

SMRMS

Banda da Sociedade Familiar e Recreativa da Malveira da Serra

Banda da Sociedade Familiar e Recreativa da Malveira da Serra

Banda da Sociedade Musical Sportiva Alvidense

SMSA

Banda da Sociedade Musical Sportiva Alvidense

Banda da Sociedade Musical Sportiva Alvidense

Banda da Sociedade Musical União Paredense

A Sociedade Musical União Paredense foi fundada a 4 de março de 1899 tendo como principais finalidades a música e a beneficência. Inicialmente constituída por 23 elementos, a Banda viria a atingir alguns anos depois os 50 executantes. A sua primeira atuação ocorreu no mesmo ano, 1899, por alturas das festas da Senhora da Saúde em Penhalonga. Em 1903 saiu em auxílio das vítimas do terramoto de Benavente. Posteriormente surgiram dois grupos corais e um grupo cénico. Em 1965, a Sociedade viu-se forçada a parar as suas atividades culturais, embora ainda se mantivessem as suas festas associativas.

Banda da Sociedade Musical União Paredense

Banda da Sociedade Musical União Paredense

Em 1980, deu-se o segundo arranque de atividades criando-se uma Escola de Música, um Grupo Cénico, Dança Jazz, Teatro de Marionetas, Yoga e Xadrez. Em 1992 realizou o seu 1° Festival de Bandas Civis, continuando a organizá-los nos anos seguintes. Realiza anualmente cerca de 15 concertos. Conta com 56 elementos e é dirigida pelo Maestro Joaquim Alferes.

Banda da Sociedade Recreativa Musical de Carcavelos

A Sociedade Recreativa e Musical de Carcavelos foi fundada em 13 de outubro de 1901, com o nome de União Capricho Carcavelense. Francisco Félix e Casimiro de Moura começaram a lecionar música e em 1903 foi inaugurado um Só – Li Dó, nome dado a um pequeno grupo de variados instrumentos, do qual nasceria a Banda. Em 1912 a coletividade alterou a designação para a que hoje ostenta.

SMRC

Banda da Sociedade Recreativa Musical de Carcavelos

Banda da Sociedade Recreativa Musical de Carcavelos

A Sociedade foi-se enriquecendo com outras atividades. Foi criada uma Escola de Música que tem acolhido os melhores resultados com várias exibições e, o ingresso de vários elementos na Banda dá garantias da sua continuidade. Foi também criado um grupo de teatro infantil, que se estreou em fins de 1998 com grande sucesso. A Banda é composta por três dezenas de elementos.

Banda do Grupo de Solidariedade Musical e Desportiva de Talaíde

A Banda Filarmónica do Grupo de Solidariedade Musical e Desportiva de Talaíde foi oficialmente fundada a 20 de abril de 1930, no entanto, com a designação de Grupo de Solidariedade e Instrução Musical de Talaíde. Naquele tempo, 24 músicos tocavam, na sua maioria, instrumentos de corda. No dia 9 de junho de 1967, a fusão com o Operário Futebol Clube de Talaíde, clube que nasceu em 15 de outubro de 1961, deu lugar a atual designação.

GSMDT

Banda do Grupo de Solidariedade Musical e Desportiva de Talaíde

Banda do Grupo de Solidariedade Musical e Desportiva de Talaíde

Entre meados de 1978 e finais de 1979, a banda foi alvo de diversas reformulações, facto que contribuiu para o seu renascimento no mês de dezembro de 1980, data a partir da qual marcou presença em quase todos os eventos organizados dentro de distrito de Lisboa, com destaque para a participação anual no encontro de Bandas Civis dos concelhos de Oeiras e Cascais e o convite para a apresentação no programa televisivo “Minas e Armadilhas” da SIC.

É anualmente convidada a acompanhar a procissão do “Senhor Jesus dos Navegantes “ em Paço de Arcos e procissão de Nossa Senhora na Conceição da Abóboda. Participou nas festas do Vimieiro (Alentejo), Celorico da Beira e, como Banda convidada, nas Festas de Moncarapacho (Algarve). Atualmente, é a única Banda da Freguesia de São Domingos de Rana, Conselho de Cascais. É constituída por 38 músicos, orientados pela batuta do Maestro Francisco Teles.

Sociedade Musical de Cascais

A Sociedade Musical de Cascais foi fundada em 1914. É composta por 40 executantes, sob regência do maestro Fernando dos Santos Moreira. Conta com um vasto repertório que é garantia dos êxitos alcançados em várias exibições e concertos em diversos pontos do país. A média de idades dos seus elementos é de 25 anos. A escola de música que possui funciona com 20 alunos, de idades entre os 08 e os 20 anos.

SMC

Sociedade Musical de Cascais

Sociedade Musical de Cascais

Festival de Bandas de Cascais

O Festival de Bandas de Cascais resulta de uma parceria entre a Câmara Municipal de Cascais e a Sociedade Musical Sportiva Alvidense onde, ao longo de três dias, atuam as Bandas do concelho.