Banda da Associação Musical da Atalaia
Filarmónicas da Lourinhã

Bandas de Música, História e Atividades no Concelho

  • Banda da Associação Musical da Atalaia
  • Banda da Associação Musical e Artística Lourinhanense – AMAL
  • Banda Filarmónica da Sociedade Lírica Moitense
Banda da Associação Musical e Artística Lourinhanense – AMAL

A Banda da Lourinhã foi fundada a 2 de aneiro de 1878 com o nome de Filarmónica Lourinhanense. O seu fundador foi também o seu primeiro Maestro, Anacleto Marques da Silva. Nos anos trinta a banda passou a designar-se Banda dos Bombeiros Voluntários da Lourinhã ficando sobre a alçada institucional destes.

AMAL

Banda da Associação Musical e Artística Lourinhanense – AMAL

Banda da Associação Musical e Artística Lourinhanense – AMAL

Em 1988, constitui-se a Associação Musical e Artística Lourinhanense – AMAL, que voltou a dar uma nova independência institucional à banda, que começou a ser conhecida como Banda da AMAL. A banda possui agora mais de 125 anos de existência com um currículo premiado em vários festivais nacionais e internacionais.

Banda da Associação Musical da Atalaia

A Escola de Música foi fundada em 01 de dezembro de 1986, por iniciativa de Joaquim Isidoro dos Santos, inserindo-se na Associação Desportiva e Recreativa Marítimo da Atalaia. Teve como objetivo ajudar os jovens da Freguesia e do Concelho a ocuparem de forma construtiva os tempos livres.

Banda da AMA

Banda da Associação Musical da Atalaia

Banda da Associação Musical da Atalaia

Como resultado da atividade da Escola, surgiu, em 06 de setembro de 1987 a Banda de Música, que fez a sua primeira atuação pública nas Festas de Nossa Senhora da Guia. Os seus primeiros maestros foram Luís Fernando dos Santos e Victor Manuel Isidoro dos Santos. Tem 45 executantes, com idades entre os 09 e os 24 anos. A Escola é frequentada por mais de uma dezena de alunos.

Banda Filarmónica da Sociedade Lírica Moitense

Aos 5 de agosto de 1923 um grupo de conterrâneos decidiu valorizar a educação musical da Freguesia de Moita dos Ferreiros. Ajudados pelo Padre L. J. Seixal, deu-se o primeiro impulso para a fundação da Banda, que aconteceu no dia 9 de agosto de 1925, dia em que fez a primeira aparição em público. Foram seus fundadores António Emídio da Cruz e Silva, José Ricardo e António José da Silva Prazeres, com o maestro Eduardo Miguéis.

SLM

Banda Filarmónica da Sociedade Lírica Moitense

Banda Filarmónica da Sociedade Lírica Moitense

De 1935 a 1940, por falta de recursos financeiros, houve a necessidade de interromper a atividade.

Em 1940 acabou por reaparecer sob a regência de alguns dos mais destacados maestros, nomeadamente Mourato, João Elói e Leite da Silva, que sucessivamente conduziram a banda até 1964. Nesta altura e devido à elevada emigração, a coletividade viu-se forçada a interromper a atividade. Mas no dia 1 de dezembro de 1976, ressurgiu a Sociedade Lírica Moitense, sob a batuta de João Elói. Durante cerca de 25 anos, esteve esta banda sob a regência de Carlos Silva. Com mais de 40 músicos, faz em média 20 atuações por ano. Nenhum elemento é músico de profissão, e os seus componentes provêm da Escola de Música, que conta com duas dezenas de alunos.

Consta no seu currículo uma viagem ao arquipélago dos Açores, em 1993, para participar nas comemorações dos festejos do Senhor Santo Cristo e em 2001 à Alemanha, Lubeck, para comemorar o nonagésimo aniversário da Associação Rot-Weiss Moisling.

EVENTOS

Em 2016, a Lourinhã celebrou o mês da Música, Outubro, com um encontro de bandas do Concelho.

0 comentários

Deixe um comentário

Quer participar?
Deixe a sua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *