Banda de Música de Moreira da Maia
Filarmónicas da Maia

Bandas de Música, história e atividades no Concelho

  • Banda de Música de Moreira da Maia
  • Banda Marcial de Gueifães
Banda de Música de Moreira da Maia

A Banda de Música de Moreira da Maia é uma das mais antigas coletividades do Concelho. A sua fundação, em 1847, está intimamente ligada a uma das famílias mais ilustres da freguesia de Moreira – a família Moreira. Foi por Domingos José Moreira que a banda iniciou a atividade, e teve no seu filho José Domingos Moreira o grande impulsionador até 1880. Foi esta família que ao longo de 135 anos manteve esta banda em atividade ininterrupta e com qualidade artística.

Entre 1880-1913 foi regente da Banda um grande musicólogo maiato, Agostinho Teixeira da Silva. São da sua autoria o hino do Visconde de Barreiros, a Chula da Maia e a Cana Verde da Maia, sendo as duas últimas ainda hoje muito conhecidas. Em 1914, assumiu a direção e a regência outro elemento da família Moreira, neto do fundador, de seu nome António Moreira. António Moreira não é o famoso Mestre Clara. Ainda hoje a casa Moreira é conhecida pela casa do Mestre Clara. A autarquia perpetuou a sua memória atribuindo o seu nome à rua que a serve.

Por volta de 1934, António Moreira deixou a regência da banda, sucedendo-lhe outros músicos distintos, como Manuel João Alves, ex-componente da banda da GNR do Porto e Joaquim José de Oliveira. Em 1942, surge novo regente: o professor de música Manuel Moreira da Silva que, durante 28 anos, dirigiu a Banda de Moreira. Em 1971, a regência foi confiada ao 1º Sargento Músico Viriato Carneiro de Araújo. Em 1977 e ao longo de 18 anos, foi regente da banda Domingos José Dias Moreira, bisneto do fundador.

BMMM

Banda de Música de Moreira da Maia

Banda de Música de Moreira da Maia

Em 1982 a banda de música tornou-se uma entidade associativa, contando atualmente com 500 associados. A este seguiu-se entre 1996 e 1998 Manuel Augusto Moreira da Silva, componente da Banda Sinfónica da PSP de Lisboa. Em 1999, assumiu a regência desta banda o jovem maestro José Aureliano Soares da Costa, formado nas fileiras da Banda. Desde a fundação, sempre a banda de música albergou e dinamizou uma escola que foi a sua principal formadora de músicos. Tem hoje mais de três dezenas de alunos nos vários graus de aprendizagem. A banda é formada por 55 elementos. Tem abrilhantado muitas festividades no país e estrangeiro.

Banda Marcial de Gueifães

A Banda Marcial de Gueifães foi fundada em 12 de dezembro de 1837 por Manuel José dos Santos Leite e funciona ininterruptamente desde essa data. Em 2018, a exposição “Memórias da Maia – Banda Marcial de Gueifães, 180 anos” esteve patente no Centro Comercial Maia Jardim. Homenageou a BMG, partilhando com os visitantes uma série de registos escritos fotográficos e muitas curiosidades.

BMG

Banda Marcial de Gueifães

Banda Marcial de Gueifães

0 comentários

Deixe um comentário

Quer participar?
Deixe a sua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *