Grupo de Danças e Cantares de Nossa Senhora de Guadalupe
Folclore na Maia

Grupos etnográficos, tradições e atividades no Concelho

  • Associação Recreativa e Cultural de Moreira da Maia – Rancho Infantil e Juvenil
  • Grupo de Danças e Cantares de Nossa Senhora de Guadalupe
  • Grupo Folclórico Os Fontineiros da Maia
  • Grupo Regional de Moreira da Maia
  • Rancho Folclórico de S. Cosme de Gemunde
  • Rancho Regional S. Salvador de Folgosa
Associação Recreativa e Cultural de Moreira da Maia

Incluindo Rancho Infantil e Rancho Juvenil, a Associação Recreativa e Cultural de Moreira da Maia é uma associação cultural de natureza etnográfica sediada em Moreira da Maia.

ARCMM

Associação Recreativa e Cultural de Moreira da Maia – Rancho Infantil e Juvenil

Associação Recreativa e Cultural de Moreira da Maia – Rancho Infantil e Juvenil

Grupo de Danças e Cantares de Nossa Senhora de Guadalupe

O Grupo de Danças e Cantares de Nossa Senhora de Guadalupe é uma associação de natureza etnográfica, das Terras do Lidador da Maia, da Vila de Águas Santas, lugar do Paço, terra de grandes costumes e tradições. Existiam neste lugar do Paço e redondezas muitas casas de lavoura que preservaram durante séculos danças, cantares, costumes e tradições que são a essência do folclore.

Para salvaguardar estes valores de enorme importância histórico-cultural, foi fundada a 4 de setembro de 1983 a Associação Cultural, Recreativa e de Danças, Grupo de Danças e Cantares de Nossa Senhora de Guadalupe. O seu primeiro objetivo foi a recolha de saberes e conhecimento entre os mais idosos do lugar. A recolha de trajos e utensílios foi fundamental para que o rigor fosse uma primazia, não esquecendo as danças e cantares, um importante registo dos tempos de lazer dos antepassados.

Tem neste momento cerca de 53 elementos, com idades entre os 5 e os 70 anos. É membro efetivo da Federação de Folclore Português desde 1989, e da FAFIF desde a sua fundação. Tem como atividades principais o “Cantar das Janeiras”, o “Festival de Folclore” inserido nas Festas em Honra a Nossa Senhora de Guadalupe do mesmo lugar e a tradicional “Ceia de Natal”. Representa o Douro Litoral com participação em diversas manifestações folclóricas, culturais e etnográficas por todo o país e terras de Espanha.

GDCNSG

Grupo de Danças e Cantares de Nossa Senhora de Guadalupe

Grupo de Danças e Cantares de Nossa Senhora de Guadalupe

O Grupo de Danças e Cantares de Nossa Senhora de Guadalupe está sediado em Águas Santas.

Grupo Folclórico Os Fontineiros da Maia

A Associacão Cultural e Recreativa ” Os Fontineiros da Maia”, sediado na freguesia de Águas Santas, foi fundada em 1951 por Serafim Moreira Maques (Serafim bonitinho), Alfredo Soares Moreira (Fredo do castelo), José Teixeira Da Cunha (Zé da cunha) e Manuel Marques Correia (Copete) já falecidos. Tem desenvolvido atividades de índole cultural: teatro, dança e música tradicional portuguesa.  A partir de 2003, altura da inauguração da nova sede social, o Centro Cultural dos Moutidos, passou a desenvolver novas atividades: o encontro mensal de poesia e a escola de instrumentos tradicionais de cavaquinhos, viola, viola braguesa.

ACRFM

Associação Cultural e Recreativa " Os Fontineiros da Maia"

Associação Cultural e Recreativa ” Os Fontineiros da Maia”

Grupo Regional de Moreira da Maia

O Grupo Regional de Moreira da Maia foi fundado em 1934 para dar continuidade à preservação das raízes da comunidade. A primeira atuação pública ocorreu no Palácio de Cristal, Porto, por ocasião da abertura da Exposição Colonial Portuguesa, e a partir de então não mais cessou a sua intensa e valiosa atividade na defesa e divulgação das tradições maiatas, circunstância que lhes tem valido diversas e honrosas distinções. Salienta-se, pelo seu significado, a Medalha de Mérito Cultura – Ouro, atribuída pela Câmara Municipal da Maia. No seu exuberante e polícromo quadro etnográfico, o Grupo Regional de Moreira da Maia apresenta os típicos trajes que representam a forma de vestir das gentes maiatas, com destaque para o traje de domingar, o mais característico de todos.

Procurou formar uma tocata que não só refletisse a presença dos instrumentos musicais tradicionais da região, como também permitisse, sem adulterações, a execução das danças interpretadas pelo agrupamento.

GRMM

Grupo Regional de Moreira da Maia

Grupo Regional de Moreira da Maia

Ao longo do ano, o Grupo Regional promove diversas iniciativas, que muito valorizam a sua ação cultural. Para além dos conceituados festivais que organiza, cumpre ainda referir as Desfolhadas Maiatas, como evocação da cultura do milho, e durante os meses de dezembro e janeiro leva a efeito os tradicionais Cantares de Janeiras. O Grupo Regional Moreira da Maia é composto por 56 elementos. Organiza anualmente festivais de folclore, atua em festas, romarias e festivais de Norte a Sul do País e arquipélagos da Madeira e dos Açores. É sócio efetivo da Federação do Folclore Português.

Rancho Folclórico de S. Cosme de Gemunde

O Rancho Folclórico de S. Cosme de Gemunde é uma associação cultural de natureza etnográfica sediada em São Cosme de Gemunde, concelho da Maia.

RFSCG

Rancho Folclórico de S. Cosme de Gemunde

Rancho Folclórico de S. Cosme de Gemunde

Rancho Regional S. Salvador de Folgosa

O Rancho Regional S. Salvador de Folgosa é uma associação cultural de natureza etnográfica sediada em S. Salvador de Folgosa, concelho da Maia. Nasceu por ocasião da angariação de fundos para as obras de remodelação da Igreja Paroquial, em finais da década de 1950. Desde logo procurou afirmar-se no panorama folclórico nacional e regional.
Têm vindo a aperfeiçoar a sua atividade de reprodução de trajes, danças e cantares dos tempos remotos nas terras da Maia, através de pesquisas e recolhas que garantem a autenticidade do que pretende representar.

Além de outros festivais, realiza anualmente no último sábado de julho o seu festival de folclore, a sua desfolhada em outubro e canta as janeiras de porta em porta desde o Natal até ao dia de Reis.

O RRSSF é composto por 56 elementos. E membro efetivo da Federação de Folclore Português e está inscrito no INATEL. Em termos de folclore, representa o Douro Litoral Norte e a zona do chamado Vale do Coronado, no leste maiato. Recolhe e reproduz o mais fidedignamente possível as vivências quotidianas e festivas dos antepassados. Participa em festivais nacionais e internacionais quer no país como no estrangeiro. Tem 2 CD gravados e já fez várias aparições em programas televisivos na RTP e na TV GALIZA.

RRSSF

Rancho Regional S. Salvador de Folgosa

Rancho Regional S. Salvador de Folgosa

0 comentários

Deixe um comentário

Quer participar?
Deixe a sua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *