Ranchos folclóricos do concelho do Seixal
Folclore no Seixal

Tradições, grupos e atividades do Concelho

  • Estremadura (Estremadura Sul)
  • Distrito: Setúbal
  • Concelho: Seixal

04 grupos

  • Rancho Folclórico Andorinhas do Pinhal
  • Rancho Folclórico da Casa do Povo de Corroios
  • Rancho Danças e Cantares de Vale de Milhaços
  • Rancho Folclórico Honra e Glória de Arrentela
Rancho Folclórico Andorinhas do Pinhal

O Rancho Folclórico Andorinhas do Pinhal nasceu em 1982 e o seu fundador e impulsionador foi José de Oliveira Bento. Constitui uma das atividades do Centro de Solidariedade Social de Pinhal de Frades, uma das freguesias do concelho do Seixal.

O seu objetivo é recolher, estudar e divulgar os usos, costumes, danças e cantares do seu povo, em particular, da denominada “outra banda.”

Os trajes são representativos das atividades mais importantes da região como a pesca, a moagem de cereais nos moinhos de maré, os trabalhos agrícolas, entre outros.

Constituído por cerca de 50 elementos, o grupo conta com inúmeras atuações em Portugal e no estrangeiro, nomeadamente em Itália, França, Bélgica, República Checa, Canadá.

Rancho Folclórico Andorinhas do Pinhal

Rancho Folclórico Andorinhas do Pinhal

Rancho Folclórico Honra e Glória de Arrentela

O Rancho Folclórico Honra e Glória de Arrentela foi fundado em 2007, com o objetivo de representar o passado das terras do Seixal, acima de tudo a freguesia da Arrentela, com os seus trajes, danças e cantares.

Rancho Folclórico Honra e Glória de Arrentela

Rancho Folclórico Honra e Glória de Arrentela

O grupo recolheu e apresenta em palco trajes de ir ver a Deus, domingueiro, romaria, burguesia, pescador, varina, calafate, moleiro, carvoeiro, corticeiro, apanhadeira de laranjas, vendedora de fruta, aguadeira, lavadeira e ceifeira.

É constituído por, aproximadamente, quarenta elementos, com idades compreendidas entre os dois e os oitenta anos.

FOI NOTÍCIA

Em 2019, decorreu o XXXV Festival de Folclore de Corroios, organizado pelo Rancho Folclórico da Casa do Povo de Corroios que convidou cinco grupos das mais variadas regiões do País que encheria de cor o palco Carlos Paredes, no dia 24 de agosto. Regiões como o Douro Litoral, a Beira Alta, a Beira Serra, o Alto Ribatejo e a Estremadura Sul, estariam representadas pelos Grupos convidados que apresentariam as suas danças e cantares, bem como os seus trajes regionais, sejam eles de trabalho, de ocasião ou domingueiros, entre outros. Subiriam ao palco, para além do grupo organizador, o Rancho de Danças e Cantares de Vale de Milhaços (Corroios – Seixal), o Rancho Folclórico e Etnográfico de Penedono (Penedono), o Grupo Folclórico da Madalena (Vila Nova de Gaia), o Rancho Folclórico e Etnográfico de Casais de Revelhos (Abrantes) e o Grupo Etnográfico Raízes do Sobral Gordo (Arganil).

Ranchos folclóricos do concelho do Seixal

Ranchos folclóricos do concelho do Seixal