Tag Archive for: música em Lisboa

Teatro Nacional de São Carlos
Salas de espetáculo de Lisboa

Teatros, auditórios e salas de espetáculo do Concelho

Altice Arena

Anteriormente conhecida como Pavilhão Atlântico, a Altice Arena é um espaço localizado no Parque das Nações. Com uma capacidade para 20.000 espectadores, é o maior pavilhão de espetáculos do país. É um local versátil que acolhe uma variedade de eventos públicos, incluindo grandes espetáculos musicais, apresentações de teatro, eventos desportivos e conferências de renome internacional.

Rossio dos Olivais, Lote 2.13.01A
1990-231 Lisboa
Tel. (00 351) 218 918 409
Sítio: www.alticearena.pt

Aula Magna

A Aula Magna é um anfiteatro localizado no edifício da Reitoria da Universidade de Lisboa, na Cidade Universitária, Campo Grande. Com uma capacidade total de 1.541 lugares, a Aula Magna é palco de centenas de eventos de natureza artística, científica e institucional.

Alameda da Universidade
1649-004 Lisboa
Correio eletrónico: reitoria@ulisboa.pt
Tel. (+ 00 351) 217 967 624

B.Leza

O B.Leza é um clube noturno luso-africano localizado ligado sobretudo à cultura e à comunidade de Cabo Verde. Este espaço é conhecido por suas danças africanas e apresentações de música ao vivo. Embora esteja aberto a outros estilos, os ritmos da música africana, como Kizomba, Funaná e Coladeira, predominam no B.Leza.

Cais Gás 1
1200-161 Lisboa
Tel. (+ 00 351) 210 106 837

Biblioteca Nacional de Portugal

A Biblioteca Nacional de Portugal (BNP) é uma instituição de referência para a cultura e o património nacional. Ela recolhe e disponibiliza à investigação o património documental português, publicado em Portugal ou no estrangeiro, abrangendo mais de dez séculos e documentação de todas as épocas, temas e géneros. Tem coleções e espólios musicais.

Campo Grande, 83
1749-081 Lisboa
Correio eletrónico: bn@bnportugal.gov.pt
Sítio: www.bnportugal.gov.pt

Campo Pequeno

O Campo Pequeno é um espaço multifuncional localizado no coração de Lisboa. Este edifício emblemático, com uma arquitetura de estilo neo-árabe, existe desde 1892 e é classificado como Imóvel de Interesse Público.

Centro de Lazer Campo Pequeno
1000-082 Lisboa
Tel. (+ 00 351) 217 998 450

Capitólio

O Capitólio é um espaço cultural icónico situado no Parque Mayer. Com projeto do arquiteto Luís Cristino da Silva e capacidade para quase 1.400 espectadores, o Capitólio foi inaugurado em 1931 e desempenhou um papel importante na atividade cultural da cidade até a década de 1980. No seu palco, foram apresentados espetáculos de teatro de revista, comédia, jazz, fado, opereta e cinema, interpretados por reconhecidos artistas. Após um longo período fechado ao público, o espaço passou por profundas obras de reabilitação, com projeto de Alberto de Souza Oliveira. Reaberto em outubro de 2016, o Capitólio foi distinguido com o Prémio Valmor. Integra o Parque Mayer, um dos principais locais da vida boémia da cidade entre as décadas de 20 e 70 do século XX. A Sala de Espetáculos O Capitólio é um espaço de acolhimento de projetos artísticos pluridisciplinares, de interesse para a cidade e para todos os públicos.

Parque Mayer
1250-096 Lisboa
Sítio: www.capitolio.pt

Casa do Coreto

A Casa do Coreto é um espaço localizado no Parque Mayer. Este edifício icónico, com uma arquitetura de estilo neo-árabe, existe desde 1892 e é classificado como Imóvel de Interesse Público. Permite receber espetáculos e eventos com a participação de 300 a 9 mil pessoas.

Endereço: R. Neves Costa, 45
1600-534 Lisboa
Tel. (+ 00 351) 211 548 979

Casa Museu Dr. Anastácio Gonçalves

A Casa-Museu Dr. Anastácio Gonçalves é um espaço museológico da cidade de Lisboa onde se expõe o acervo reunido pelo médico colecionador António Anastácio Gonçalves. O conjunto de cerca de 3.000 obras de arte.

Tel. (+ 00 351) 213 540 923
Correio eletrónico: divulgacao@cmag.dgpc.pt

Centro Cultural da Malaposta

O Centro Cultural da Malaposta é um espaço cultural localizado no Parque Mayer. Reconstruído pela Câmara Municipal, foi inaugurado em 1989 como espaço cultural, sendo constituído por várias salas, incluindo auditório, sala experimental e sala de cinema, além de uma galeria de exposições temporárias.

Rua de Angola
2620-492 OLIVAL BASTO
Tel. (+00 351) 219 383 100
Fax (+00 351) 219 383 109
Correio eletrónico: info@malaposta.pt
Sítio: www.malaposta.pt

Centro Cultural de Belém

O Centro Cultural de Belém (CCB) é um espaço de cultura e arte em Lisboa, que apresenta espetáculos de música, teatro, cinema, dança, pensamento e arquitetura.

Praça do Império
1499-003 LISBOA
Tel. (+00 351) 213 612 400
Correio eletrónico: ccb@ccb.pt
Sítio: www.ccb.pt

Chapitô

O Chapitô é uma organização não governamental situada na Costa do Castelo em Lisboa, num edifício histórico onde, até meados do século XX, funcionava um orfanato para “filhos naturais” de pais abastados. Hoje, o Chapitô é um espaço multifacetado que combina cultura, arte e espetáculo.

Costa do Castelo, n.º 1 / 7
1149-079 Lisboa
Tel. (+00 351) 218 855 550
Sítio: chapito.org

Coliseu dos Recreios

O Coliseu dos Recreios é uma sala de espetáculos multifuncional situada em pleno coração de Lisboa.

R. Portas de Santo Antão, 96
1150-269 Lisboa
Sítio: www.coliseulisboa.com

Culturgest – Gestão de Espaços Culturais, SA.

A Culturgest é uma fundação cultural criada para apoiar as artes. Compreende duas galerias de exposição, dois auditórios, cinco salas de conferência e um anfiteatro ao ar livre. A Culturgest organiza e apresenta atividades culturais, artísticas e científicas, como exposições, dança, teatro, música, ópera e performances de novo circo, além de ciclos de cinema, conferências e colóquios.

Edifício Sede da Caixa Geral de Depósitos
Rua Arco do Cego
1000-300 LISBOA
Tel. (+00 351) 217 905 155
Correio eletrónico: Culturgest@cgd.pt
Sítio: www.Culturgest.pt

Fábrica do Braço de Prata

A Fábrica do Braço de Prata é um espaço cultural multifacetado que ocupa as instalações da antiga Fábrica Militar de Braço de Prata que foi desativada na década de 1990. Desde 2007, transformou-se num centro cultural privado que oferece uma variedade de atividades e eventos.

Rua da Fábrica de Material de Guerra, 1
1950-128 Lisboa
Tlm. (+00 351) 965 518 068
Correio eletrónico: fabricabprata@gmail.com
Sítio: www.bracodeprata.com

Fundação Calouste Gulbenkian

A Fundação Calouste Gulbenkian é uma instituição cultural de grande relevância com sede em Lisboa. Criada em 1956, a fundação tem como objetivo melhorar a qualidade de vida das pessoas por meio das artes, beneficência, ciência e educação.

Av.de Berna, 45
1067-001 Lisboa
Correio eletrónico:
Tel. (+00 351) 217 823 000
Sítio: gulbenkian.pt

Lisboa Incomum

A Lisboa Incomum é um espaço cultural multifacetado localizado. Fundado em 2017 pelo compositor Jaime Reis, opera como uma plataforma transdisciplinar para experimentalismo e criações musicais, investigação e educação. Regularmente, acolhe o Festival DME – Dias de Música Electroacústica. O cerne da sua produção está relacionado com práticas artísticas e musicais incomuns, abertas à comunidade.

R. Gen. Leman 20A
1600-102 Lisboa
Tlm. (+00 351) 215 862 656
Correio eletrónico: lisboaincomum@gmail.com
Sítio: www.lisboaincomum.pt

Lux Frágil

O Lux Frágil é uma icónica discoteca localizada em Lisboa. Fundada em 1998, ocupa um lugar especial na cena noturna da cidade.

Av. Infante D. Henrique a Santa Apolónia
Cais da Pedra, Armazém A
1950-376 Lisboa
Tel. (+00 351) 218 820 890

Museu do Fado

O Museu do Fado é um espaço cultural dedicado inteiramente ao universo do fado, a emblemática canção urbana de Lisboa. Inaugurado em 25 de setembro de 1998, o museu celebra o valor excepcional do fado como símbolo identitário da Cidade das Sete Colinas. Além disso, o Museu do Fado oferece um Arquivo Sonoro Digital, onde é possível ouvir momentos históricos online.

Largo do Chafariz de Dentro, n.º 1
1100-139 Lisboa
Tel. (+00 351) 218 823 470
Fax (+00 351) 218 823 478
Correio eletrónico: info@museudofado.pt
Sítio: www.museudofado.pt

Museu do Oriente [ auditório ]

O Museu do Oriente, inaugurado em 2008, está situado num edifício singular na frente ribeirinha de Lisboa. Apresenta-se como um museu multicultural, preservando o património material e imaterial de vários países asiáticos.

Avenida Brasília
Doca de Alcântara (Norte)
1350-352 Lisboa
Correio eletrónico: info@foriente.pt
Sítio: www.museudooriente.pt

O’culto da Ajuda – art music centre because sound matters

Tv. Zebras, Lisboa
Tel. (+00 351) 911 998 243

O O’culto da Ajuda inaugurado nos dias 30 e 31 de outubro de 2014, situado na Travessa das Zebras, nº 25/27 (à calçada da Ajuda em Belém) é um espaço da Miso Music Portugal para a pesquisa, a experimentação, a comunicação e a partilha de criações artísticas, que fomentam relações entre música e espaço, entre música e poesia, entre música e teatro, entre música e movimento, entre música e design. A nova ópera com meios tecnológicos é o seu foco principal.

São Luiz Teatro Municipal

O São Luiz Teatro Municipal é uma das salas de espetáculos mais importantes de Lisboa. Construído no final do século XIX com o estilo parisiense que os gostos da época ditavam, foi também o primeiro cinema sonoro de Portugal. Com uma vida atribulada por incêndios, é hoje um dos espaços culturais mais dinâmicos da cidade.

Rua António Maria Cardoso, 38
1200-027 Lisboa
Tel. (+00 351) 213 257 640
Sítio: www.teatrosaoluiz.pt

Sede da ANF Lisboa

Localizada em Santa Catarina, muito perto do Chiado, a sede da ANF dispõe de dois auditórios e salas para a realização de eventos. Tem parque de estacionamento e segurança 24h/dia. Auditório com uma capacidade para 250 pessoas equipado com o mais moderno sistema audiovisual. Auditório com capacidade para 60 pessoas e salas moduláveis devidamente equipados com sistema audiovisual. Possui um amplo lobby que possibilita a colocação de stands.

Rua Marechal Saldanha 1
1249-069 Lisboa
Tel. +351 213 400 600

Teatro Aberto

Praça de Espanha
R. Armando Cortez
1070-375 LISBOA
Tel. geral (+00 351) 213 880 086
Tel. bilheteira (+00 351) 213 880 089
Tel. produção e relações públicas (+00 351) 213 880 096
Correio eletrónico: relacoespublicas@teatroaberto.com
Correio eletrónico: bilheteira@teatroaberto.com
Sítio: www.teatroaberto.com

Teatro Armando Cortez

O Teatro Aberto é um espaço cultural localizado em Lisboa, na Rua Armando Cortez, na Praça de Espanha. Fundado em 1978, o Teatro Aberto tem uma rica história e é conhecido por suas produções teatrais de alta qualidade.

Apoiarte/Casa do Artista
Tel. (+00 351) 217 110 890
Fax (+00 351) 217 110 898
Correio eletrónico: casadoartista@netcabo.pt
Sítio: www.casadoartista.net

Teatro do Bairro Alto

O Teatro do Bairro Alto é um novo teatro municipal de Lisboa, inaugurado em 2019. Ocupa o edifício que foi a sede do Teatro da Cornucópia desde 1975 até o final de 2016. O espaço foi cedido à companhia pelo proprietário, Dr. Machado de Macedo, por intermédio do então Secretário de Estado da Cultura, Dr. João de Freitas Branco. Dedica-se à criação e apresentação de projetos artísticos experimentais, bem como às práticas discursivas que os rodeiam e atravessam. No TBA, cruzam-se artistas novos e estabelecidos, portugueses e estrangeiros, das várias disciplinas das artes performativas, como teatro, dança, música e artes sonoras.

R. Ten. Raul Cascais, 1 A
1250-268 Lisboa
Tel: (+00 351) 218 758 000

Teatro Camões

O Teatro Camões é um espaço cultural localizado no Parque das Nações. É a casa da Companhia Nacional de Bailado (CNB).

Passeio do Neptuno
Parque das Nações
1990-193 Lisboa
Tel: (+00 351) 218 923 470
Fax: (+00 351) 218 923 553
Sítio: www.cnb.pt

Teatro da Trindade INATEL

O Teatro da Trindade INATEL é um espaço cultural localizado no Chiado. Com uma arquitetura que combina características do estilo pombalino e do neoclassicismo italiano, o teatro possui três fachadas distintas e uma decoração interior luxuosa. Tem uma programação diversificada, incluindo peças de teatro contemporâneo e clássicos.

Teatro da Trindade INATEL
Rua Nova da Trindade, 9
1200-301 LISBOA.
Tel. (+00 351 213 423 200)
Sítio: teatrotrindade.INATEL.pt
Correio eletrónico: teatro.trindade@INATEL.pt

Teatro Maria Matos

O Teatro Maria Matos é um palco de referência em Lisboa, apresentando uma programação diversificada que abrange teatro, música, humor e outras manifestações artísticas.

Av. Frei Miguel Contreiras, 52
1700-213 Lisboa
Tel. (+00 351) 213 621 648

Teatro Nacional de São Carlos

O Teatro Nacional de São Carlos foi inaugurado em 30 de junho de 1793 pela Rainha D. Maria I. É um Monumento Nacional e o único teatro de ópera em Portugal. Os seus corpos artísticos são a Orquestra Sinfónica Portuguesa e o Coro do Teatro Nacional de São Carlos. O teatro desempenha um papel fundamental na promoção e apresentação de ópera e música coral e sinfónica.

Rua Serpa Pinto, 9
1200-442 LISBOA
Tel. (+00 351) 213 253 000
Fax (+00 351) 213 253 083
Correio eletrónico: geral@saocarlos.pt
Sítio: tnsc.pt

Teatro Nacional de São Carlos

Teatro Nacional de São Carlos

Teatro Nacional D. Maria II

O Teatro Nacional D. Maria II, E.P.E. é um teatro de Portugal com capacidade para 948 pessoas  sentadas localizado na Praça de D. Pedro IV em Lisboa. Foi inaugurado a 13 de Abril de 1846, durante as comemorações do 27º aniversário de D. Maria II, com a peça O magriço, ou os doze de Inglaterra, um drama histórico de Jacinto Heliodoro de Loureiro.

Praça Dom Pedro IV
1100-201 Lisboa

Teatro Politeama

O Teatro Politeama foi idealizado por Luís António Pereira, um apaixonado pelas artes do espetáculo. Ele sonhou em criar uma nova sala em Lisboa, onde a música e o teatro pudessem servir o público. Em 12 de maio de 1912, a primeira pedra foi lançada na Rua das Portas de Santo Antão, em frente ao Coliseu dos Recreios, marcando o início da construção do Theatro Politeama.
O arquiteto Ventura Terra foi encarregado de projetar o teatro, enquanto José Passos mesquita supervisionou a construção. As decorações ficaram a cargo do escultor Jorge Pereira e dos pintores Benvindo Seia e Veloso Salgado. Em 6 de dezembro de 1913, Luís António Pereira inaugurou o seu Politeama com a opereta “Valsa de Amor”, estrelada por Cremilda de Oliveira e Sofia Santos. Continua a ser um espaço de destaque para espetáculos em Lisboa com as produções
Filipe La Féria, renomado produtor e encenador.

R. das Portas de Santo Antão, 109
1150-266 Lisboa
Tel. (+00 351) 213 405 700
Correio eletrónico: reservas.politeama@filipelaferia.pt
Sítio: filipelaferia.pt

Teatro Tivoli

O Teatro Tivoli BBVA é um ícone cultural que oferece uma experiência teatral memorável, conhecido por sua elegância e pela diversidade de espetáculos.

Avenida da Liberdade, n.º 182 a 188
1250-146 Lisboa
Tel. (+00 351) 213 572 025
Correio eletrónico: geral@teatro-tivoli.com
Sítio: www.teatro-tivoli.com

Égide - Associação Portuguesa das Artes
Associações Musicais de Lisboa

Neste artigo constam associações promotoras de música e dança que não constam nos artigos de Escolas, Filarmónicas, Coros e Ranchos Folclóricos do Concelho.

Égide – Associação Portuguesa das Artes

Fundada em 2022, a Égide visa o apoio a iniciativas de natureza artística, educativa e social.

Rua Ivens, 42, 1º andar, escritório 123
Lisbon, Portugal

Correio eletrónico: info@egideartes.pt

Égide - Associação Portuguesa das Artes

Égide – Associação Portuguesa das Artes

criaSons 2024
Festivais de Música em Lisboa

Ciclos, encontros, temporadas e festivais de música e dança na Capital

Festival Imersivo

O Festival Imersivo, terceira edição em 2024, é dedicado à música acusmática difundida no sistema imersivo em forma de cúpula do Lisboa Incomum. compositores de renome internacional realizam seminários e concertos entre os dias 22 e 24 de março. Após o festival, realiza-se também a International Masterclass for Composers, de 25 a 27 de março, com Åke Parmerud e Jaime Reis (Portugal), com quem os participantes têm a oportunidade de trabalhar as suas obras electroacústicas e ainda a composição com síntese modular.

criaSons

Sítio: musicamera.pt

O Festival criaSons, um dos principais eventos nacionais dedicados às tendências da música de câmara portuguesa contemporânea. Concebido e organizado pela Musicamera Produções, o Festival CriaSons reuniu já grandes nomes da criação musical nacional – António Vitorino de Almeida, Alejandro Erlich Oliva, Alexandre Delgado, Amílcar Vasques Dias, Mário Laginha, Eurico Carrapatoso, Cândido Lima, Pedro Caldeira Cabral, Carlos Azevedo, António Pinho Vargas, Fernando Lapa, entre outros, – com grandes intérpretes colectivos – Opus Ensemble, Quarteto Lopes Graça, Quarteto Artzen, Kinetix Duo, Duo Contracello, Ensemble Musicamerata, e individuais, levando a criação musical contemporânea portuguesa a palcos por todo o país e estrangeiro.

Em 2024, CriaSons aposta na reabilitação de um género performativo muito impactante para a cultura musical nacional da segunda metade do século XX: o Teatro-Música. Na reabilitação do género performativo do Teatro-Música, o CriaSons fá-lo homenageando o seu arquétipo, Constança Capdeville (1937-1992), a compositora, pianista e pedagoga portuguesa responsável por cunhar esse termo, por vezes erroneamente confundido com a expressão teatro musical. No que respeita à programação, o festival promete continuar a tradição de inovação e excelência, apresentando 3 novos programas que desafiam as fronteiras, proporcionando ao público experiências culturais ricas e diversificadas.

Criasons 2024

criaSons 2024

Dias de Música Electroacústica

Dias de Música Electroacústica é um festival que desde 2017 ganhou uma nova casa, o Lisboa Incomum, fundado pelo seu director artístico, Jaime Reis. Desde então, o programa de residências artísticas desenvolve-se em paralelo nestas duas cidades. Apesar da actividade do festival se desenvolver maioritariamente em Portugal, foram realizadas ações de internacionalização em três continentes – América do Sul (Brasil e Colômbia), Ásia (China, Coreia, Filipinas e Japão) e Europa (Espanha, França, Itália, Mónaco, entre outros).

Dias de Música Electroacústica

Dias de Música Electroacústica

Sónar+D

Sítio e programa: sonarlisboa.pt

De 8 a 10 de abril de 2022, o Hub Criativo Do Beato, em Lisboa, recebeu o Sónar+D, a vertente do festival Sónar Lisboa 2022 dedicada às tecnologias criativas, com um ciclo de conferências, exposições e espetáculos audiovisuais, com curadoria de Antónia Folguera em colaboração com investigadores, cientistas e artistas de diferentes disciplinas do espectro digital, que explora a criatividade como uma das principais forças transformadoras da realidade no século XXI.

Sónar+D

Sónar+D

Ciclo Música no Panteão

Sítio: www.panteaonacional.gov.pt

Com início a 28 de novembro de 2021, o ciclo de concertos “Música no Panteão” prolongou-se até julho de 2022. A direção artística do ciclo “Música no Panteão” é de Paulo Amorim. Com a iniciativa, o Panteão Nacional pretende dar forma a uma programação continuada e que crie, sob diversas formas, momentos permanentes de atração para o monumento e de motivação de novos públicos.

Ciclo Música no Panteão, Lisboa

Ciclo Música no Panteão, Lisboa

Big Bang Festival

O Big Bang é um festival que acontece no Centro Cultural de Belém, projeto internacional que envolve vários parceiros, com edições a decorrer em doze países europeus e no Canadá. Através deste projeto, iniciado pela companhia belga Zonzo Compagnie, a Fábrica das Artes tem aberto um importante espaço para o intercâmbio de experiências musicais para crianças, com músicos portugueses e internacionais, e percorrido os quatro cantos da Europa.

Festival ideal para quem tem ouvidos curiosos e espíritos destemidos, teve em 2021 a 11.ª edição. Com música antiga e contemporânea, fado, sapateado, instalações e muita aventura, é uma viagem para crianças, jovens e adultos.

Big Bang Festival, Lisboa

Big Bang Festival, Lisboa

Festival ao Largo

Sítio: www.festivalaolargo.pt

O Festival ao Largo, 13ª edição em 2021, é um festival que se realiza em Lisboa, no Largo de São Carlos. A programação contempla espetáculos de música clássica e dança, com entrada gratuita.

Festival Bairro da Música

Sítio: www.bairrodamusica.pt

O Festival Bairro da Música tem como pano de fundo as comemorações do Dia Mundial da Música, celebrando a cultura nacional e promovendo a sua circulação pelo país. Entre 1 de outubro e 5 de novembro de 2021 o Bairro da Música apresentou um festival de música portuguesa com 10 artistas, em 10 cidades e salas de espetáculo: Ourém, Estremoz, Odivelas, Ponta Delgada, Braga, Porto, Lisboa, Mafra, Sintra e Coimbra.

Festival Emergente

Facebook: www.facebook.com/FEFestivalEmergente

Festival realizado em Lisboa, no Capitólio, 3ª edição em 2021. Inclui o concurso SUPER EMERGENTES para bandas e videoclips.

Festival Estoril Lisboa

O festival foi fundado em 1975 no seio da então Junta de Turismo da Costa do Sol com o nome Festival de Música da Costa do Sol, sob proposta do guitarrista Piñeiro Nagy e o aval do compositor Fernando Lopes-Graça, do musicólogo João de Freitas Branco e da pianista Helena de Sá e Costa, em complemento dos Cursos Internacionais de Música, que esta entidade tinha criado em 1962. Em 1981 foi assinado o protocolo que confere a organização e gestão do festival à Associação Internacional de Música da Costa do Estoril, criada exclusivamente para esse efeito, e altera o nome para Festival de Música da Costa do Estoril.

O contributo do festival à difusão de novos valores e de criações recentes, tem-se manifestado através de mais de trezentas obras apresentadas pela primeira vez em Portugal, muitas das quais em estreias mundiais.

Entre mais de um milhar de artistas presentes no festival, destacam-se nomes do maior prestígio mundial, muitos dos quais atuaram pela primeira vez em Portugal.

O festival tem decorrido em monumentos nacionais e salas históricas como o claustro e a Igreja do Mosteiro dos Jerónimos, Torre de Belém, de Lisboa, Igreja de São Vicente de Fora, Igreja de São Roque, Igreja de São Domingos, Palácio Nacional da Ajuda, Palácio Foz, Palácio Nacional de Queluz, Teatro Nacional de São Carlos, Centro Cultural de Belém, Teatro Municipal São Luis, Coliseu de Lisboa, Teatro Camões, Teatro Tivoli, Teatro Trindade, e outras.

Em 2013, após a adesão da Câmara Municipal de Lisboa à sua estrutura, alterou o título para Festival Estoril Lisboa. Ao mesmo tempo criou o conceito Festival com Património através de ciclos de música em palácios, igrejas, teatros e auditórios, associando o rico património material à singularidade do património imaterial.

Festival Iminente

Iminente é um festival com música, artes visuais, exposições e cinema drive-in.

Sítio: www.festivaliminente.com

Festival Live in a Box

Sítio: www.fadoinabox.pt/live

O Festival Live in a Box, no São Luiz Teatro Municipal, Lisboa, e Teatro Municipal de Bragança (14, 15 e 16 abril 2022) tem como objetivos tornar a música lusófona acessível a mais público; atenuar o efeito que as assimetrias regionais provocam no acesso à cultura, no geral, e à música em particular; rentabilizar a vinda de grandes nomes da música lusófona e ibérica aos grandes centros urbanos, levando o cartaz de cada edição a uma cidade diferente, todos os anos; estimular a economia nos sectores da cultura e do turismo.

Festival Música Viva

Sítio: www.misomusic.com

O Festival Música Viva, na sua 27ª edição em 2021, dedica-se desde o seu início à promoção, divulgação e interpretação da criação musical do nosso tempo. A edição de 2021 decorre entre 6 e 20 de novembro no O’culto da Ajuda, em Lisboa.

Festival Nova Música

O Festival Nova Música é um festival que tem como objetivo divulgar a Nova Música Portuguesa e os seus novos talentos. A Universidade Nova de Lisboa, através dos seus Serviços de Acção Social, dá desta forma as boas-vindas a todos os estudantes ao novo ano letivo. Este é o único festival deste cariz organizado por uma universidade portuguesa e os lucros revertem para o Fundo de Apoio Social da Nova.

Jazz em Agosto

O Jazz em Agosto é um festival da Fundação Gulbenkian (37.ª edição em 2021) que apresenta o outro lado do jazz” em projetos ousados e de músicos polivalentes. Em 2021, o Festival apresentou 14 novas propostas, incluindo alguns nomes nacionais, como os trompetistas Luís Vicente e Susana Santos Silva, Pedro Moreira Sax Ensemble ou o músico Gabriel Ferrandini, entre outros.

LISB/ON

Facebook: www.facebook.com/lisbonjardimsonoro

LISB/ON é um festival de 3 dias agraciado pela luz de Lisboa num jardim sonoro quase secreto no parque mais emblemático da cidade. Promovido em parceria com a Câmara Municipal de Lisboa e o Turismo de Lisboa, LISB/ON #Jardim Sonoro é uma festa de 3 dias, com a cidade como palco. União entre património e música, turismo e cultura, lazer e prazer, num conceito que pretende trazer a festa para o jardim. Ao LISB/ON #Jardim Sonoro estão Associados hotéis, bares, discotecas, galerias e restaurantes, com diferentes atividades concebidas especificamente para as noites deste fim-de-semana. O jardim do Parque Eduardo VII recebe todos os anos vários projetos nacionais e internacionais de referência, de largo espectro musical: da música de dança ao funk, do soul ao nu-disco e jazz.

Misty Fest

Sítio: www.misty-fest.com

Misty Fest é um festival dirigido por António Cunha e realizado em diversas cidades portuguesas (Coimbra, Espinho, Lisboa, Setúbal, Braga), com espetáculos de carácter único nas melhores salas do país.

Muvi – Festival Internacional de Música no Cinema

«Vê além do que ouves» foi o mote e o desafio aceite a partir do qual nasceu o Muvi – Festival Internacional de Música no Cinema, o único festival de cinema específico sobre música em Portugal, que de 15 a 20 de novembro de 2017 regressou ao Cinema São Jorge, em Lisboa, para a quarta edição. A primeira edição, de 3 a 7 de setembro de 2014, contou com cerca de 2.000 pessoas, 78 filmes (entre longas, curtas e vídeos musicais), quatro concertos, quatro apresentações e quatro djsets. Na segunda edição, de 1 a 7 de dezembro de 2015, estiveram presentes 3.200 pessoas, foram exibidos 192 filmes (entre longas, curtas, vídeos musicais, sessões especiais e retrospetivas), sete concertos, quatro exposições e quatro apresentações. À terceira edição, de 29 de novembro a 5 de dezembro, não quiseram faltar 5.500 pessoas que testemunharam a exibição de 200 filmes (entre longas, curtas, vídeos musicais, sessões especiais e retrospetivas, algumas com a presença de convidados especiais), sete concertos, dois cine-concertos, cinco exposições e nove sessões/apresentações gratuitas.

Festival Estoril Lisboa

Festival Estoril Lisboa

Out Jazz

Sítio: outjazz.pt

O Somersby Out Jazz regressou em 2021 à capital para proporcionar tardes de domingo inesquecíveis entre agosto e outubro, ao som do melhor do jazz, soul, funk e hip-hop. Resultado do apoio da CM Lisboa, do Programa Garantir Cultura e da parceria com a Universidade de Lisboa, o festival de música ao ar livre estreia-se no Jardim Botânico Tropical em Belém, no Jardim Botânico de Lisboa no Príncipe Real e ainda no Auditório de Pedra, na Tapada da Ajuda. Com o objetivo de promover um regresso seguro à cultura, a 14ª edição do festival contava com diversas bandas e DJ’s nacionais que prometem encher Lisboa de ritmo, energia e boas vibrações.

Rock in Rio Lisboa

Sítio: rockinriolisboa.sapo.pt

O Rock in Rio é um festival fundado por Roberto Medina. Depois de uma longa espera, a 9ª edição do Rock in Rio Lisboa realizou-se em 2022.

Santa Casa Alfama

Sítio: https://santacasaalfama.com/

A cada edição, o Festival Santa Casa Alfama celebra o Fado no coração de Alfama. Nasceu em 2013, do desafio de criar o primeiro grande Festival da música que transporta a identidade e a alma lusa, o Fado. Com o mesmo desafio em mente o Santa Casa Alfama regressou em 2021, para a 9ª edição, numa homenagem à cultura portuguesa com os maiores intérpretes do Fado, mas também os nomes emergentes que apontam os caminhos do futuro.

O Santa Casa Alfama tem lugar no bairro mais antigo de Lisboa. Repleto de arquitetura magnífica, este reflete bem a música em oferta. O evento decorre numa grande variedade de espaços e é esta variedade que proporciona aos visitantes um leque artístico único, digno de ser apreciado.

Santa Casa Portugal ao Vivo

Sítio: santacasaportugalaovivo.pt

Santa Casa Portugal ao Vivo (edições em 2020 e 2021) é um evento organizado pela PEV Entertainment em conjunto com a Everything Is New, em Lisboa (Campo Pequeno) e no Porto (Super Bock Arena).

Super Rock em Stock

Sítio: www.superbockemstock.pt

1 festival, 2 dias, 10 salas e mais de 50 artistas, na Avenida da Liberdade, em Lisboa.

Super Rock em Stock

Super Rock em Stock

Super Bock Super Rock

Sítio: www.superbocksuperrock.pt

O Super Bock Super Rock (26ª edição em 2022) é um festival de música de verão realizado anualmente em Portugal. É organizado desde 1995 e é, atualmente, um dos mais importantes festivais portugueses. Começou por se realizar na Gare Marítima de Alcântara, em Lisboa. Entre 2010 e 2014, realizou-se no Meco, em Sesimbra, o que veio dar ao festival citadino uma nova imagem, mais descontraída, então perto da praia. Em 2015 deu-se o seu regresso a Lisboa, ao Parque das Nações. Em 2019, o festival regressou ao Meco.

Temporada de Música em São Roque

Sítio: www.scml.pt

Considerada uma das melhores e mais antigas temporadas de música de Lisboa, a Temporada Música em São Roque inclui, anualmente, no seu programa algumas das orquestras e coros mais importantes do panorama de música clássica portuguesa. A iniciativa surgiu em 1988 e vem reforçar a política da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa de apoiar a cultura musical de matriz portuguesa, divulgando, em simultâneo, o seu património histórico e artístico.

Temporada de Música em São Roque

Temporada de Música em São Roque

Termo Festival de Música

O Termo Festival de Música é um festival de música clássica nascido em Lisboa em 2019, com o objetivo de descentralizar a cultura, levando o grande público a desfrutar de momentos musicais em espaços icónicos do termo de Lisboa.

Verão Clássico

Sítio: www.veraoclassico.com

O Festival Verão Clássico é um evento organizado pela DSCH – Associação Musical e realizado em Lisboa. Apresenta concertos com a participação de grandes músicos, referências internacionais dos seus instrumentos, assim como seis concertos TalentFest, em que se apresentarão jovens músicos participantes nas classes de alto aperfeiçoamento, já laureados nacional e/ou internacionalmente.

Coros de Lisboa

Agrupamentos vocais e atividades corais no Concelho

64 grupos identificados

  • ALMA Ensemble (Lisboa)
  • CILC – Coro Infantil Lisboa Cantat (Lisboa)
  • Coral Stella Vitae (Lisboa)
  • Coral Vértice (Lisboa)
  • Coro Académico Português (Lisboa)
  • Coro Académico Romanos Melodos (Lisboa)
  • Coro ART – Associação de Residentes de Telheiras (Lisboa)
  • Coro Audite Nova (Lisboa)
  • Coro da Academia Musical 1º de Junho de 1893 (Lisboa)
  • Coro da Achada (Lisboa)
  • Coro da Assembleia da República (Lisboa)
  • Coro da Associação de Amigos da Escola de Música do Conservatório Nacional (Lisboa)
  • Coro da Casa do Pessoal da RTP (Lisboa)
  • Coro da Catedral de Lisboa (Lisboa)
  • Coro da Escola Profissional da Metropolitana (Lisboa)
  • Coro da NOVA (Lisboa)
  • Coro da Procuradoria-Geral da República (Lisboa)
  • Coro da Universidade de Lisboa
  • Coro da Universidade Nova de Lisboa (Lisboa)
  • Coro das Nações (Lisboa)
  • Coro de Amigos do Conservatório Nacional (Lisboa)
  • Coro de Câmara da Universidade de Lisboa
  • Coro de Câmara de Lisboa Lisboa)
  • Coro de Câmara do Instituto Gregoriano de Lisboa (Lisboa)
  • Coro de Câmara Lisboa Cantat (Lisboa)
  • Coro do Clube Ferroviário de Portugal (Lisboa)
  • Coro do Clube Millennium BCP (Lisboa)
  • Coro do Colégio de Santa Doroteia (Lisboa)
  • Coro do Teatro Nacional de São Carlos (Lisboa)
  • Coro do Tejo (Lisboa)
  • Coro Feminino de Lisboa (Lisboa)
  • Coro Gaudete in Domino (Lisboa)
  • Coro Gospel Collective (Lisboa)
  • Coro Gregoriano de Lisboa (Lisboa)
  • Coro Gulbenkian (Lisboa)
  • Coro Infantil da Academia de Música de Santa Cecília (Lisboa)
  • Coro Infantil do Instituto Gregoriano de Lisboa (Lisboa)
  • Coro Infantil e Juvenil Lisboa Cantat (Lisboa)
  • Coro ISCTE (Lisboa)
  • Coro Juvenil da Universidade de Lisboa (Lisboa)
  • Coro Juvenil de Lisboa (Lisboa)
  • Coro Laudate (Lisboa)
  • Coro Lopes-Graça da Academia de Amadores de Música (Lisboa)
  • Coro Mater Dei – Associação Cultural (Lisboa)
  • Coro Nosso (Lisboa)
  • Coro Regina Coeli de Lisboa (Lisboa)
  • Coro Sacro de Lisboa (Lisboa)
  • Coro Santo Inácio (Lisboa)
  • Coro São Tomás de Aquino (Lisboa)
  • Coro Sinfónico da ESML (Lisboa)
  • Coro Sinfónico Lisboa Cantat (Lisboa)
  • Coro Staccato (Lisboa)
  • Coro UCP (Lisboa)
  • Coro UTL (Lisboa)
  • Coro Venite a Laudare (Lisboa)
  • Ensemble São Tomás de Aquino (Lisboa)
  • Grupo Coral Aurpiameixoeira (Lisboa)
  • Grupo Vocal Jazz&Tal (Lisboa)
  • Grupo Vocal Olisipo (Lisboa)
  • Lisboa Coro Rock (Lisboa)
  • Nova Era Vocal Ensemble (Lisboa)
  • Pequenos Cantores do Conservatório Nacional (Lisboa)
  • Polyphonia Schola Cantorum (Lisboa)
  • Quem Canta – Coro Comunitário de Lisboa (Lisboa)
  • Schola Cantorum de Belém (Lisboa)
  • Shine – Coro Gospel (Lisboa)
  • Voces Caelestes (Lisboa)

Coro do Teatro Nacional de São Carlos, Lisboa, na de Elvas, 2019, créditos Elvas News

Coro do Clube Ferroviário de Portugal

O Coro do Clube Ferroviário de Portugal foi formado em 2010. Dedica-se a música popular portuguesa e de outros países (Brasil, Israel, Moçambique, entre outros).

Coro Staccato

O Coro Staccato surgiu em 2015 com alguns alunos de canto a quererem fazer música de Cinema e Musicais da Broadway. Depois de alguma resistência, o cantor lá se armou em maestro e foi para a frente com a ideia. Eram 7, agora são 25. O entusiasmo é cada vez maior, bem como a responsabilidade e a consequente qualidade. No Natal de 2023 o coro fez 10 concertos em que o ponto alto foi uma série de 3 concertos no Funchal.

Ensemble São Tomás de Aquino

Residente na Igreja de São Tomás de Aquino, em Lisboa, o Ensemble São Tomás de Aquino constitui-se como um grupo de composição variável formado por jovens músicos profissionais. Criado em 2015, tem apresentado – em concerto e no âmbito litúrgico – repertório verdadeiramente exigente e diferenciado. Entre as obras executadas em concerto incluem-se o Kyrie e Gloria da Missa em Si menor e o Magnificat de J. S. Bach, Gloria de A. Vivaldi, Messiah de G.F. Handel, Selected Mass de Vincent Novello, Requiem de Mozart, bem como numerosas obras de polifonia sacra antiga e contemporânea. Em 2018 estreou a obra Missa do Parto, para coro e órgão, de Alfredo Teixeira e, em Junho de 2019, do mesmo autor, estreou Apocalipse Breve segundo Daniel Faria, para duplo trio, no âmbito do Colóquio “Se acender a luz não morrerei sozinho”, decorrido em Tabuaço. Tem vindo a apresentar-se em diversos festivais de música, tais como: Festival Internacional de Órgão da Madeira, em 2017; II Festival Internacional de Órgão de Mafra, em 2018; Festival de Música “Sons com História” de Castelo de Vide, em 2019; Festival Cistermúsica e II Festival de Música Antiga de Torres Vedras, em 2020. Em 2020, lançou o seu primeiro projeto discográfico intitulado “Vimos do Mar e da Montanha”.

Nova Era é um Ensemble Vocal

O Nova Era é um Ensemble Vocal fundado em 2019 pelo maestro João Barros. Através de várias estreias absolutas de compositores portugueses e estrangeiros, o Nova Era tem vindo a dar um novo rumo à composição em Portugal, estimulando a criação de obras corais e proporcionado um espaço privilegiado para o diálogo entre compositores, maestro e coro. Este ensemble pretende, paralelamente, dar a conhecer ao público as mais relevantes obras corais da história da música. Recentemente interpretou obras como “Cantique de Cantique” de Daniel Lesur, “Missa para duplo coro” de Frank Martin, “Messe en Sol majeur” de Francis Poulenc, “Canticle of the Sun” de Tõnu Kõrvits e motetes de Bach. Em 2019 participou no Festival Coral de Verão, em Lisboa, e foi galardoado com a medalha de Ouro nas duas categorias em que participou. No mesmo ano arrecadou o 1.º prémio “Choir of the choirs” na Vocal Art Choir Competition.

Lisboa Coro Rock

O Lisboa Coro Rock dedica-se ao repertório Pop e Rock. Formado pelo Coro Rock Lumiar em 2016 e Coro Rock FM – Freguesia da Misericórdia em 2019, têm feito concertos em conjunto desde 2020 e o ponto alto das suas vidas foi o concerto em Madrid em maio de 2023.

Green Peak Studio, Lisboa
Estúdios de gravação em Lisboa

Estúdios de som, gravação e produção no Concelho

Ar de Estúdio

Av. Colégio Militar
Espaço Boutique da Cultura
1500-187 Lisboa
Tlm. (+00 351)926 830 272
Sítio: ardeestudio.pt

Bairro Up Recording Studio Lisbon

R. Luz Soriano n.º 67
1200-246 Lisboa
Tlm. (+00 351) 918 721 189
Sítio: www.bairroup.com

Big Bit – Produção de Som e Imagem

R. Direita de Palma Lote F Loja A – 1º
1600-056 Lisboa
Tlm. (+00 351) 217 265 374
Sítio: www.bigbit.pt

Bigmoneyrecords Studio

Calçada Santana
1150-301 Lisboa
Tlm. (+00 351) 218 870 627

Brugo Studio

Estr. Desvio, 43
Lisboa
Tlm. (+00 351) 967 944 548

Calçada 60 sound studio

Calçada Necessidades, 60
1350-214 Lisboa

Chinfrim Estúdios

R. dos Lusíadas 152
1300-369 Lisboa
Tlm. (+00 351) 912 482 406

City Studios Lisboa

R. Cel. Bento Roma, 24
1700-115 Lisboa
Tlm. (+00 351) 928 154 266

Cls – Audiovisuais, Lda.

Avenida Infante Dom Henrique
Edif. Xerox
Lisboa
Tel. (+00 351) 218 310 680
Sítio: www.cls-audio.pt

Clube do Capitão Leitão

R. Cap. Leitão, 1A
1950-013 Lisboa

criamos monstros

R. Pereira Henriques
1700-007 Lisboa
Sítio: www.criamosmonstros.com

dizplay soundlab

Calçada da Boa Hora, 22
1300-095 Lisboa
Tel. (+00 351) 214 197 111

Esco Studios

R. Frei Carlos, 13A
1600-185 Lisboa
Tlm. (+00 351) 932 644 861
Sítio: www.esco-studios.com

Escolhas Produções

Av. Alm. Gago Coutinho, 158
1700-033 Lisboa
Sítio: escolhasproducoes.com

Estrela de Alcântara

Tv. do Fiuza, 39
1300-059 Lisboa
Tlm. (+00 351) 937 607 148

Favelita Studios

Eua E
Bairro São João de Brito
1700-034 Lisboa

Green Peak Studio

Av. Óscar Monteiro Torres, 55
1000-220 Lisboa
Tlm. (+00 351) 964 126 489
Sítio: www.greenpeakstudio.com

Green Peak Studio, Lisboa

Green Peak Studio, Lisboa

Indigo – The Sound Experience

R. Alberto Villaverde Cabral 1D
1400-905 Lisboa
Tel. (+00 351) 213 031 000
Sítio: www.indigomusica.pt

JazzTrás Estudio

Calçada Poço dos Mouros, 31
1170-343 Lisboa
Tlm. (+00 351) 919 020 647

KDS Recording Studios

R. Possidónio da Silva, 89
1350-297 Lisboa
Tlm. (+00 351) 936 615 151

Khave – Estúdio de Gravação

Rua de Xabregas, 2
1900-440 Lisboa
Tlm. (+00 351) 932 346 477
Sítio: www.khave.pt

MetalBox.pt

Av. da Índia, 52
1300-299 Lisboa
Tel. (+00 351) 211 379 648
Sítio: metalbox.pt

Mile Zero Studio

R. Virgílio Martinho
1600-800 Lisboa

N Studio Lisbon

Edifício Concorde
Calçada das Lajes lote 21 Loja B
1900-293 Lisboa
Tlm. (+00 351) 960 169 363
Sítio: nstudiolisbon.com

Namouche – Edição e Produção de Som

Estrada da Luz, 26
1600-160 Lisboa

NuRecordings

Tv. Giestal 24A
1300-278 Lisboa
Tlm. (+00 351) 936 393 490

On Air-produções Audiovisuais Lda

R. Amílcar Cabral 28
1750-018 Lisboa
Tel. (+00 351) 217 542 020
Sítio: www.onair.pt

Palanca Negra Estúdios

R. de Angola
2620-493 Olival Basto
Tlm. (+00 351) 967 765 871

Pimenta Preta Estúdio

R. Manuela Porto LOJA 6A
1500-422 Lisboa
Tlm. (+00 351) 966 608 486

PLANTA Music Lab

Calçada Poço dos Mouros, 31
1170-315 Lisboa
Sítio: planta-music-lab.business.site

Sound Station – Produções Audiovisuais Lda.

R. Padre Francisco, 11 C
1350-223 Lisboa
Tel. (+00 351) 217 567 922
Sítio: www.soundstation.pt

Tchatchatcha Produções Musicais Lda – Estúdio

Av. Gen. Norton de Matos, 25 A
1495-151 Algés
Tel. (+00 351) 214 106 608
Sítio: tchatchatcha.pt

Tiago Inuit

R. Luz Soriano 67
1200-246 Lisboa
Tlm. (+00 351) 938 564 830
Sítio: www.tiagoinuit.com

UPBEAT Estúdios

Travessa de Cima dos Quartéis, 26B
1250-096 Lisboa
Tel. (+00 351) 210 182 404
Sítio: www.upbeat.pt

Pesquisa, edição e publicação no Musorbis a 16 de outubro de 2021

AvA Musical Editions
Lojas de música e instrumentos em Lisboa

Pesquisa, edição e publicação a 15 de outubro de 2021

Artrock Music Store

R. Cel. Bento Roma, 23B
1700-122 Lisboa

Atelier dos Sopros

Av. Barbosa Du Bocage 26
1000-072 Lisboa
Tel. (+00 351) 217 935 351

AvA Musical Editions

Rua Nova do Loureiro, 14
1200-295 Lisboa
Tel. (+00 351) 213 430 337

AvA Musical Editions

AvA Musical Editions

BimotorDJ – Lisboa

Largo Casal Vistoso, 2 Loja 9
1900-142 Lisboa
Tel. (+00 351) 218 464 212

Cemaudium

Rua Dom João V, 2D
1250-090 Lisboa
Tel. (+00 351) 213 874 444

CNM – Companhia Nacional de Música

R. das Pedralvas, 13
1500-487 Lisboa
Tel. (+00 351) 217 620 950

D. Caeiro, Lda.

Av. António Serpa, 3 D
1050-026 Lisboa
Tel. (+00 351) 217 951 526

Elise Derochefort Luthier

R. de Campolide 103
1070-024 Lisboa
Tel. (+00 351) 213 970 433

Euromúsica – Instrumentos Musicais, Lda. – Loja Lisboa

Av. da República, 56
Lisboa
Tel. (+00 351) 217 613 004

F. Ribeiro – Instrumentos Musicais Lda

Praça Dr. Ernesto Roma, 3B
1900-205 Lisboa
Tel. (+00 351) 218 126 543

Groovie Records

R. Angelina Vidal, 80A
1170-017 Lisboa
Tlm. (+00 351) 965 657 149

Headstock

R. de Dona Estefânia, 81 B
1150-132 Lisboa
Tel. (+00 351) 214 030 428

Intermúsica – Representações Musicais e Artísticas, Lda.

Av. Alm. Gago Coutinho, 28
1900-314 Lisboa
Tel. (+00 351)217 277 214

Lismúsica – Instrumentos Musicais, Lda.

Av. de Paris, 3A
1000-226 Lisboa
Tel. (+00 351) 218 122 934

Loja CNM – Companhia Nacional de Música

R. Nova do Almada, 62
1100-184 Lisboa
Tel. (+00 351) 213 420 918

Mr. Jack Guitars n’ Stuff

R. João de Freitas Branco, 26C
1500-359 Lisboa
Tel. (+00 351) 211 653 812

Salão Musical de Lisboa

Largo do Carmo
R. da Oliveira ao Carmo, 2
1200-309 Lisboa
Tel. (+00 351) 213 193 740

Sinfonia – Loja de discos

Av. de Roma, 44A
1700-358 Lisboa
Tel. (+00 351) 218 495 839

Somúsica

R. das Portas de Santo Antão, 75/77
1150-266 Lisboa
Tel. (+00 351) 213 422 085

Sr. Piano

R. do Telhal, 70B
Tel. (+00 351) 1150-316 Lisboa

Store4DJ

R. Prof. Santos Lucas, 38A
1500-515 Lisboa
Tel. (+00 351) 217 162 684

T’N’T – ToandTicha

R. de Campolide, 54C
1070-037 Lisboa
Tlm. (+00 351) 938 017 172

Tubitek Lisboa

R. do Crucifixo, 79
1100-548 Lisboa
Tlm. (+00 351) 965 217 274

Vinil Experience

Rua do Loreto 65
1200-471 Lisboa
Tlm. (+00 351) 967 169 660

Elise Derochefort, luthier, em Lisboa
Oficinas de Instrumentos em Lisboa

Construção, reparação e restauro de instrumentos

Acácio Luthier

Acácio da Costa Rodrigues
Rua da Condessa, 9 – B
1200-120 Lisboa
(Ao Largo do Carmo)
Tel. (+00 351) 213469355
Tlm. (+00 351) 962 994 647
Sítio: www.acacioluthier.pt
Correio eletrónico: geral@acacioluthier.pt

Atelier Torres&Dase

Rua da Correnteza, 39A
1400-077 Lisboa
213620912
Sítio: torresdase.wordpress.com
Correio eletrónico: torresdaselisboa@gmail.com

O Atelier Torres & Dase nasce da parceria entre os luthiers Kai Dase e Catarina Torres. Atelier de restauro especializado de instrumentos musicais de corda friccionada, do violino ao contrabaixo. Optimiza o som do instrumento, aconselhando na montagem, acessórios e partes. Orçamentos de restauro gratuitos. Construção de violinos e violas de arco. Compra e venda de instrumentos novos e usados, com opção de retoma.

Elise Derochefort

Rua de Campolide, 103, 2 andar
1070-028 Lisboa
Tel. (+00 351) 213 970 433
Tel. (+00 351) 913 470 465
Sítio: elisederochefort.com
Correio eletrónico: elisederochefort@yahoo.fr

Elise Derochefort, luthier, em Lisboa

Elise Derochefort, luthier, em Lisboa

Cativada pelas profissões artesanais e seduzida pelo mundo da música, aos 16 anos a sua orientação profissional conduziu Elise Derochefort a um curso de luthier: violino, viola de arco e violoncelo. Estudou durante 5 anos na escola de luthiers de Mirecourt (França), tendo obtido um “Diploma de Técnico, ramo de Lutherie” para o fabrico instrumental e um “Diploma das Profissões de Arte” para o restauro. Tive ainda a oportunidade de ter aulas de violoncelo. A sua formação foi enriquecida por estágios em diversos ateliers europeus, como os de Jean Strick em Bruxelas (Bélgica), Bruno Dreux em Orleães (França), Denis Eschenbrenner em Lyon (França), entre outros. Em 1997, integrou a equipa do atelier Wilder and Davis, em Montreal, onde permaneceu durante 2 anos, e depois de trabalhar 5 anos como assistente no atelier de Christian Bayon, em Lisboa. Em contacto com os mais belos instrumentos, aprendeu várias técnicas de restauro e reparação de violinos, violas de arco e violoncelos, e aperfeiçoar-me na manutenção de arcos. Abrir o seu próprio atelier em Sevilha em 2006, que transferiu para Lisboa em 2013.

Hugo Madeira Luthier

964 753 040

Tomás Miranda luthier

Rua dos Poiais de S. Bento, 25
1200-345 LISBOA
Tel. (+00 351) 213 969 397
Tlm. (+00 351) 934 022 811
Blogue: tomasmirandaluthier.blogspot.com
Correio eletrónico: tmiranda.luthier@gmail.com

Conservação e restauro de instrumentos musicais de sopro

Grupo de Cavaquinhos da Casa do Concelho de Ponte de Lima
Grupos de Cavaquinhos de Lisboa

Agrupamentos e atividades no Concelho

  • Grupo de Cavaquinhos da Academia Sénior da Junta de Freguesia de Arroios
  • Grupo de Cavaquinhos da Academia Sénior de Olivais Sul
  • Grupo de Cavaquinhos da Casa do Concelho de Arcos de Valdevez
  • Grupo de Cavaquinhos da Casa do Concelho de Ponte de Lima
  • Grupo de Cavaquinhos da UNANTI
  • Grupo de Cavaquinhos de S. Vicente de Fora
  • Grupo de Cavaquinhos dos SSAP “Roda e Salta”
  • Tuna Académica da UNISBEN
Grupo de Cavaquinhos da Casa do Concelho de Ponte de Lima

Grupo de Cavaquinhos da Casa do Concelho de Ponte de Lima

 

Grupo de Percussão Paradiddle (Olivais)
Grupos de Bombos de Lisboa

Bombos, Zés Pereiras e outos grupos de percussão tradicional no Concelho

Fontes: Tocá Rufar, portais municipais, páginas dos grupos

  • Ajuda A Bombar (Ajuda)
  • Bombos Alta Batida (Lisboa)
  • Grupo das Gaitas de Foles e Percussão da Casa Pia de Lisboa (Lisboa)
  • Grupo de Percussão Paradiddle (Olivais)
  • Grupo de Percussão Ritmus – Instituto Jacób Rodrigues Pereira (Lisboa)
Grupo de Percussão Paradiddle (Olivais)

Grupo de Percussão Paradiddle (Olivais)

Tuna Universitária de Lisboa
Tunas de Lisboa

Fontes: www.portugaltunas.com, redes sociais e pesquisa em motores de busca

  • A Feminina – Tuna Feminina da Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa
  • agriculTUNA – Tuna Académica do Instituto Superior de Agronomia
  • AnimaTuna de Lisboa
  • BaríTunaTuna Feminina da Faculdade de Direito de Lisboa
  • Barretuna – Instituto Militar dos Pupilos do Exército
  • Damastuna “Cultus Regius”
  • Enferninfas – Tuna Feminina de Enfermagem de Lisboa
  • ESCSTunis – Tuna Académica Mista da Escola Superior de Comunicação Social
  • Estudantina Académica do ISEL
  • Estudantina Universitária de Lisboa
  • EST’ES La Tuna Feminina
  • Grupo de Serenatas da FMH
  • Inoportuna – Tuna Académica da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa
  • IPAtuna
  • ISCALINA
  • Le’Tuna
  • Lusitana – Tuna Feminina da Universidade Lusíada de Lisboa
  • Luz &TunaTuna da Universidade Lusíada de Lisboa
  • MotriTuna- Tuna Feminina da FMH
  • SamariTuna – Tuna Feminina da Universidade Lusófona
  • Santantuna Feminina de Lisboa
  • T-ÚNICA – Tuna Feminina da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa
  • TAL | Tuna Académica de Lisboa
  • TAPCE
  • Tertúlia da Velha Guarda
  • TFIST-Tuna Feminina do Instituto Superior Técnico
  • TinTuna – Tuna Académica da Egas Moniz
  • TUIST – Tuna Univ. do Instituto Superior Técnico
  • Tuna Académica da Universidade Católica de Lisboa
  • Tuna Académica de Farmácia da Universidade Lisboa
  • Tuna Académica do ISCTE
  • Tuna Camoniana “In Vino Veritas” da Universidade Autónoma de Lisboa “Luís Vaz de Camões”
  • Tuna da Universidade Europeia
  • Tuna da Universidade Internacional
  • Tuna Económicas
  • Tuna Feminina do ISEL
  • Tuna Médica de Lisboa
  • Tuna Mística de Portugal
  • Tuna Universitária de Lisboa
  • Tunantes Alfacinhas d’Enfermagem
  • TUNASSA – Tuna Feminina do Instituto Superior de Agronomia
  • Tusófona – Real Tuna Lusófona
  • VenusMonti | Tuna Académica da Faculdade de Direito de Lisboa
  • VicenTuna – Tuna da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa
Tuna Universitária de Lisboa

Tuna Universitária de Lisboa