Artigos

Ciclo de Órgão de Viana do Castelo
Festivais de Música em Viana do Castelo

Festivais, ciclos e encontros de música no Concelho

Ciclo de Órgão de Viana do Castelo

Sítio: www.ciclodeorgaodeviana.com

O Ciclo de Órgão de Viana do Castelo é uma iniciativa do Secretariado de Liturgia da Diocese de Viana do Castelo que pretende afirmar o órgão de tubos como instrumento de primazia na Liturgia e “padrão da qualidade da música que a Igreja deve praticar” (Ferreira dos Santos), evidenciando-se ainda o seu amplo papel como património vivo da cultura local. Define-se como objetivos:

  • Divulgar os órgãos de tubos de Viana do Castelo e outros elementos do património dos contextos onde se inserem, promovendo o contínuo aprofundamento sobre o seu conhecimento;
  • Sensibilizar para a importância do restauro e manutenção dos órgãos, assim como para a sua regular e criteriosa utilização;
  • Incentivar à criação de “escola”, ao nível do órgão e da música sacra;
  • Divulgar o repertório organístico, através de intérpretes de referência;
  • Promover o encontro entre a comunidade, os artistas e investigadores.

A Comissão organizadora é constituída em 2021 por Pe. Tiago Rodrigues (coordenação), Diogo Zão (direção artística), Luís Rufo, Filipe Silva, Joana Sousa, Marisa Taveira.

Ciclo de Órgão de Viana do Castelo

Ciclo de Órgão de Viana do Castelo

NEOPOP Electronic Music Festival

Facebook: neopopfestival

O Neopop, já com 15 edições, é um festival de música eletrónica que se realiza em Viana do Castelo, junto ao Forte de Santiago da Barra. Teve o nome “Anti-pop”, mas a partir de 2006 passou a denominar-se Neopop. Pelo Festival já passaram grandes nomes da música eletrónica.

NEOPOP Electronic Music Festival

NEOPOP Electronic Music Festival

SWR Barroselas Metalfest

Sítio: www.swr-fest.com

O SWR Barroselas Metalfest é um festival realizado em Barroselas, concelho de Viana do Castelo. A primeira edição ocorreu em 1998 na Casa do Povo de Barroselas. Há festival agendado para 28 de abril-1 de maio de 2022.

VIBE

Facebook: www.facebook.com/VIBE.vianadocastelo

O VIBE é um ciclo de concertos de música moderna que se propõe à ocupação de vários espaços na cidade de Viana do Castelo ao longo do ano. Mão Morta, Jorge Palma, Linda Martini, Norberto Lobo, Allen Halloween, Lula Pena, Capicua ou Tó Trips são alguns dos muitos e muitos nomes que já pisaram os vários palcos do VIBE na capital do Alto-Minho. O VIBE é uma iniciativa auto-financiada da associação juvenil Núcleo de Apoio às Artes Musicais, com o apoio da Câmara Municipal de Viana do Castelo e do Instituto Português do Desporto e Juventude.

Coral Polifónico de Viana do Castelo
Coros de Viana do Castelo

Agrupamentos vocais e atividades corais no Concelho

13 coros identificados

  • Cantadeiras do Vale do Neiva
  • Coral Polifónico de Viana do Castelo
  • Coro da Academia de Música de Viana do Castelo
  • Coro de Câmara Contraponto
  • Coro de Câmara VianaVocale
  • Coro de Pais da Academia de Música de Viana do Castelo
  • Coro Diocesano de Viana do Castelo
  • Coro do Centro de Estudos Regionais
  • Coro Júnior da Academia de Música de Viana do Castelo
  • Coro Júnior Viana Vocale
  • Grupo Coral Masculino da Banda dos Escuteiros de Barroselas
  • Grupo Coral São José de Alvarães
  • Grupo Coral e Polifónico de S. Romão de Neiva
Cantadeiras do Vale do Neiva

As Cantadeiras do Vale do Neiva são um grupo de cantares populares fundado em 1982, pelo etnógrafo Manuel Delfim da Silva Pereira que se dispôs a calcorrear nos anos 70, apenas com um gravador, uma máquina fotográfica e bloco de apontamentos, todas as freguesias das margens do Rio Neiva, acabando assim, por recolher verdadeiros tesouros populares, uma verdadeira enciclopédia de saberes tradicionais, de que constam mais de uma centena de cantigas religiosas e profanas, e ainda muitas lendas, lengalengas, ditos e jogos populares.

Com tão grande manancial ao seu dispor, empenhou-se em criar um grupo que interpreta ao vivo as cantigas, ressuscitando tão valioso património das populações das margens do Neiva. Assim, com um grupo de mulheres, gente simples de Portela Susã, apresenta pela primeira vez em Barroselas o grupo “Cantadeiras do Vale do Neiva”, em 1982.

Coral Polifónico das Neves

Rua Monsenhor Torres, 233
4905-512 Mujães
Tel. (+00 351) 258 972 358
Tlm. (+00 351) 919 822 282
Correio eletrónico: coralpolifoniconeves@gmail.com

Coral Polifónico de Viana do Castelo

Rua Nova de S. Bento, 13 – 1º
4900 – 472 Viana do Castelo
Tel. (+00 351) 258 321970
Correio eletrónico: coralpolifonicoviana@hotmail.com
Sítio: www.coraldeviana.com

O Coral Polifónico de Viana do Castelo cantou em 2019 com o Orfeão de Vila Praia de Âncora a Canção da Lenda das Unhas do Diabo (Ponte de Lima), no âmbito do programa Sente a História (10 Canções das Lendas e Hino do Alto Minho).

Coral Polifónico de Viana do Castelo

Coral Polifónico de Viana do Castelo

Coro da Academia de Música de Viana do Castelo

Travessa do Salgueiro,14-16
4900 – 323 Viana Do Castelo
Tel. (+00 351) 258 806 130
Correio eletrónico: secretaria@amv.pt
Sítio: www.amv.pt

Coro de Câmara Contraponto

O Coro de Câmara Contraponto é um grupo de jovens cantores da cidade de Viana do Castelo que, em 2012, se juntaram com objetivo de fazer boa música, com qualidade e profissionalismo. Todos os elementos iniciaram/completaram a sua formação musical na Academia de Música de Viana do Castelo, local onde surgiu a vontade de criar este projeto. Apresentam-se como grupo a cappella ou com acompanhamento musical, interpretando obras de variados estilos como a música clássica, o jazz e o pop.

Coro de Câmara VianaVocale

Em 2019, o Coro de Câmara Viana Vocale cantou a Canção da Lenda dos Combatentes de Travanca (Paredes de Coura), Canção da Lenda do Cervo Rei (Vila Nova de Cerveira), Canção da Lenda da Moira Encantada de Giela (Arcos de Valdevez), Canção da Lenda de Nossa Senhora da Pegadinha (Ponte da Barca), e a Canção da Lenda de D. Sapo (Viana do Castelo), no âmbito do programa Sente a História (10 Canções das Lendas e Hino do Alto Minho).

Coro de Pais da Academia de Música de Viana do Castelo

Iniciado em outubro de 2013, o Coro de Pais da Academia de Música de Viana do Castelo tem como objetivo proporcionar aos pais dos alunos da Academia de Música de Viana do Castelo – Conservatório Regional do Alto Minho a vivência de uma atividade musical, criando, simultaneamente, maior proximidade com a vida artística dos seus educandos. Fez a sua primeira apresentação pública no Concerto de Natal, juntamente com o Coro VianaVocale e a Orquestra Arte Sinfónica ARTEAM, em dezembro de 2013. Com atividade regular desde então, é constituído, atualmente, por 50 elementos. Do seu repertório, constam obras de Ben E. King, Charles Gounod, Chico Buarque, Eliza Gilkyson, Felix Mendelssohn, Fernando Lopes- Graça, Georg Friedrich Händel, John Lennon, Paul McCartney, E. Carrapatoso, A. Vivaldi, L. Bacalov e Wolfgang Amadeus Mozart. Em 2017 destaca-se a interpretação no Requiem de Mozart, integrando o Coro Participativo nas Comemorações do 30º Aniversário do Coro VianaVocale, e a colaboração no documentário “O Sentido da Vida” do realizador Miguel Gonçalves. Recentemente participou no Concerto “Sente a História” integrando o Coro Intermunicipal do Alto Minho. Desde 2014, Vitor Lima era o maestro titular do coro em 2018.

Coro Diocesano de Viana do Castelo

Correio eletrónico: liturgiaviana@gmail.com

Coro do Centro de Estudos Regionais

Associação Cultural | Edições | Academia Sénior | Revista Estudos Regionais
Largo do Instituto Histórico do Minho
4900-522 Viana do Castelo
Sítio: www.cer.pt

Coro Júnior Viana Vocale

Fruto da aposta da AMVC na valorização da música coral, este coro feminino, atualmente com 50 elementos, tem vindo a desenvolver um trabalho regular desde 2009. Interpreta repertório coral diversificado de diferentes épocas e estilos, com destaque para os compositores J. B. Pergolesi, G. Fauré, B. Britten, F. Lopes- Graça, Sérgio Azevedo, Bob Chilcott, Bruno Coulais, J. Rheinberger, J. Rutter e Lydia Adams, entre outros. Das suas atuações, ao longo dos últimos anos, destacam-se os concertos de Natal na Igreja da Misericórdia, concerto “Rock Time”, juntamente com o Coro AMVC, no Teatro Municipal Sá de Miranda, Natal Português na AMVC, com a presença do compositor Sérgio Azevedo, e o 40º aniversário da Universidade do Minho, interpretando os andamentos de coro infantil da obra Carmina Burana de Carl Orff, Recentemente, no âmbito do Ciclo de Concertos para a Família, apresentou-se no Centro Cultural de Paredes de Coura e no Teatro Municipal Sá de Miranda, em Viana do Castelo, participou na Gala Lírica realizada em dezembro de 2017, no Centro Cultural de Viana do Castelo, e foi um dos grupos que integrou o “Concerto pela Paz”, em maio de 2018, no teatro desta cidade.

O Coro Júnior VianaVocale tem participado em diversos cursos de aperfeiçoamento, destacando-se: “Atelier de Técnica Vocal”, orientado por Ghislaine Morgan, em 2014, “Academia Coral de Verão”, em 2016, 2017 e 2018, orientadas por Vitor Lima, Workshop Coral “Vozes em Movimento” orientado por Tracy Wong, em 2018. Em 2018, Vítor Lima era o maestro titular do Coro.

Grupo Coral e Polifónico de S. Romão de Neiva

Em 18 de março de 2018, o Coral Polifónico de S. Romão de Neiva, freguesia de Viana do Castelo, celebrou 40 anos de existência. Fundado por José Sousa, atualmente presidente, Manuel Barbosa Meira e Jorge Gomes Pereira, com o consentimento do padre José Fernandes Moreno do Couto, o grupo conta atualmente com 34 elementos. Em 1990, Cândido Oliveira foi convidado para exercer o cargo de maestro do coral, função que continuava a desempenhar, passados 28 anos. O Coral Polifónico de São Romão de Neiva sempre atuou a quatro vozes, entre tenores, baixos, contraltos e sopranos, com um vasto repertório litúrgico e profano, tendo já atuado em variadas localidades, até além-fronteiras.

Grupo Coral Masculino da Banda dos Escuteiros de Barroselas

Rua Armindo Santos Barbosa, 109
4905-363 Barroselas
Tel. (+00 351) 258 971 467
Tlm. (+00 351) 962 942 415

Grupo Coral São José de Alvarães

Igreja
4905-205 – Alvarães
Tel. (+00 351) 258 777 269

Amadeus Instrumentos Musicais
Lojas de música e instrumentos em Viana do Castelo

Pesquisa, edição e publicação no Musorbis a 16 de outubro de 2021

Amadeus Instrumentos Musicais

R. José Rodrigues
4935-171 Viana do Castelo
Tel. (+00 351) 258 321 300
Sítio: lojamadeus.pt
Telefone: 258 321 300
Sítio: lojamadeus.pt
Correio eletrónico: geral@lojamadeus.pt
Correio eletrónico: encomendas@lojamadeus.pt

Amadeus Instrumentos Musicais

Amadeus Instrumentos Musicais

Atelier Fernando Portela

R. de Olivença, 104
4900-334 Viana do Castelo
Tlm. (+00 351) 965 126 310

Fernando Portela Atelier, Viana do Castelo

Fernando Portela Atelier, Viana do Castelo

Filipe Gachineiro – Concertinas & Acordeons

Estr. Barco do Porto, 1
4925-590 Cardielos
Tlm. (+00 351)  963 946 444

Filipe Gachineiro - Concertinas & Acordeons

Filipe Gachineiro – Concertinas & Acordeons

Venda, troca, assistência, afinação e personalização de concertinas e acordeões

Coral Polifónico de Viana do Castelo
Coros no Concelho de Viana do Castelo

Grupos corais e atividade coral no concelho

  • Coral Polifónico das Neves
  • Coral Polifónico de Viana do Castelo
  • Coro da Academia de Música de Viana do Castelo
  • Coro de Câmara VianaVocale
  • Coro VianaVocale
  • Coro de Pais da Academia de Música de Viana do Castelo
  • Grupo Coral São José de Alvarães
  • Grupo Coral Masculino – Banda dos Escuteiros de Barroselas
Coral Polifónico das Neves

Rua Monsenhor Torres, 233
4905-512 Mujães
Tel. (+00 351) 258 972 358
Tlm. (+00 351) 919 822 282
Correio eletrónico: coralpolifoniconeves@gmail.com

Coral Polifónico de Viana do Castelo

Rua Nova de S. Bento, 13 – 1º
4900 – 472 Viana do Castelo
Tel. (+00 351) 258 321970
Correio eletrónico: coralpolifonicoviana@hotmail.com
Sítio: www.coraldeviana.com

Coral Polifónico de Viana do Castelo

Coral Polifónico de Viana do Castelo

Coro da Academia de Música de Viana do Castelo

Travessa do Salgueiro,14-16
4900 – 323 Viana Do Castelo
Tel. (+00 351) 258 806 130
Correio eletrónico: secretaria@amv.pt

Grupo Coral São José de Alvarães

Igreja
4905-205 – Alvarães
Tel. (+00 351) 258 777 269

Grupo Coral Masculino – Banda dos Escuteiros de Barroselas

Rua Armindo Santos Barbosa, 109
4905-363 Barroselas
Tel. (+00 351) 258 971 467
Tlm. (+00 351) 962 942 415

Academia de Música de Viana do Castelo
Escolas de música de Viana do Castelo

As bandas filarmónicas também têm habitualmente escola de música, e os grupos de cavaquinhos e ranchos folclóricos também dispõem, por vezes, de escola de instrumentos. Informe-se ao fundo.

Academia de Música de Viana do Castelo

Rua do Salgueiro, 14-16
4900 – 323 Viana do Castelo
Tel. (+00 351) 258 806 130
Sítio: www.amv.pt
Correio eletrónico: secretaria@amv.pt

Academia de Música de Viana do Castelo

Academia de Música de Viana do Castelo

Amadeus Music

A 11 de novembro de 2018, a Rádio Alto Mingo anunciou o projeto AMC MUSIC, edifício dedicado exclusivamente à atividade musical. Além de um dos maiores espaços comerciais de instrumentos musicais do país, contaria com uma escola de música e um auditório.

Amadeus Music

Amadeus Music

Associação de Cavaquinhos de Mazarefes

Rua Maria Júlia Bourbon, 67
4935 – 466 Mazarefes
Tel. (+00 351) 258 321 270
Tlm. (+00 351) 965 673 552
Correio eletrónico: cavaq.mazarefes@gmail.com

Associação Musical de Vila Nova de Anha

Avenida Prior do Crato 96 – 106
4935-330 Vila Nova de Anha
Sítio: www.amvna.com
Correio eletrónico: associacaomusicalanha@gmail.com

Escola de Cavaquinhos da Associação Recreativa e Cultural de Amonde

4925 Amonde

Escola de Concertinas da Associação Desportiva e Cultural de Anha

Rua Nova de Anha
4935 – Vila Nova de Anha

Escola de Cordas de Deocriste

4905 Deocriste

Escola de Música Amadeus

Av. Dr. Carteado Mena 591
4935-171 Darque
Sítio: www.escolamadeus.pt
Correio eletrónico: geral@escolamadeus.pt

Escola de Música da Associação Desportiva e Cultural de Subportela

Alameda S. João Novo, 330
4905-632 Subportela Viana do Castelo

Escola de Música da Associação Humanitária e Cultural de Lanheses

Apartado 20
4925-909 Lanheses

Escola de Música da Banda dos Escuteiros de Barroselas

Tlm. (+00 351) 916 417 524
Sítio: www.bebarroselas.com
Correio eletrónico: info@bebarroselas.com

4905 Barroselas

Escola de Música da Casa do Povo de Cardielos

4925-346 Cardielos

Escola de Música da Junta de Freguesia de Castelo de Neiva

Rua da Escola, 49
4935-573 Castelo de Neiva
Correio eletrónico: associacaomusical_amcn@hotmail.com

Escola de Música da Junta de Freguesia de Outeiro

Rua Padre José Luís Alves Pereira, 150
4925-555 Outeiro VCT
Tlm. (+00 351) 938 444 639
Correio eletrónico: juntaouteiro@sapo.pt

Escola de Música da Sociedade de Instrução e Recreio Darquense (SIRD)

Av. Dr. Carteado Mena
4935 – 091 Darque

Escola de Música da Sociedade de Instrução e Recreio de Carreço

Rua da Sociedade, 104
4900-279 Carreço

Escola de Música da Tuna de Veteranos de Viana do Castelo

Largo João Tomás da Costa, 86
4900-509 Viana do Castelo

Escola de Música de Iniciação Musical de Mazarefes

4935 Mazarefes
Escola de Música da Sociedade de Instrução e Recreio Areosense
Avenida do Meio, 500
4900 – 834 Areosa

Escola de Música de Perre

Sede da Junta de Freguesia
4925-576 Perre
Tlm. (+00 351) 962 966 040
Sítio: www.emperre.com
Correio eletrónico: contacto@emperre.com

Escola de Música de Santa Marta de Portuzelo

4925 Portuzelo

Escola de Música de Vila Mou

4925-657 Vila Mou

Escola de Música do Centro Social Paroquial N.S. de Fátima

Rua da Bandeira, 639
4900 – 560 Outeiro VCT
Tel. (+00 351) 258 823 029
Tlm. (+00 351)968 580 091
Correio eletrónico: juntaouteiro@sapo.pt

Escola de Música do Rancho Infantil de Afife

4900-012 Afife

Escola de Música do Rancho Regional Lavradeiras de Carreço

4900-278 Carreço

Escola de Música Pequenos Violinistas

Associação Cultural e Desportiva de Santa Marta de Portuzelo (ACDSMP)
Correio eletrónico: tania.lima.1990@gmail.com

Escola Profissional de Música de Viana do Castelo

Rua do Salgueiro, 14-16
4900 – 323 Viana do Castelo
Tel. (+00 351) 258 806 120
Correio eletrónico: fam@fam.org.pt/
Sítio: www.fam.pt

Núcleo de Apoio às Artes Musicais

Rua Frei Custódio, 259
4905-477 Barroselas Capreiros
Correio eletrónico: naam_barroselas@hotmail.com

ZEPAM – Zé Pedro Associação Musical

Largo Maestro José Pedro
4900-322 VIANA DO CASTELO

Tel. (+00 351) 258 825 197
Tlm. (+00 351) 963 280 524
Correio eletrónico: geral@zepam.pt
Sítio: zepam.pt
GPS: 41.691191, -8.830552

Ao toque do cavaquinho - Grupo de Cavaquinhos da Associação Juvenil de Deão (Viana do Castelo)
Grupos de Cavaquinhos de Viana do Castelo

Agrupamentos e atividades no Concelho

  • Ao toque do cavaquinho – Grupo de Cavaquinhos da Associação Juvenil de Deão (Viana do Castelo)
  • Associação de Cavaquinhos de Mazarefes (Viana do Castelo)
  • Grupo de Cavaquinhos da Associação Cultural de  Mujães (Viana do Castelo)
  • Grupo de Cavaquinhos da Associação Desportiva Cultural e Social de Subportela (Viana do Castelo)
  • Grupo de Cavaquinhos de Amonde (Viana do Castelo)
  • Grupo Etnográfico da Areosa (Viana do Castelo)
Ao toque do cavaquinho - Grupo de Cavaquinhos da Associação Juvenil de Deão (Viana do Castelo)

Ao toque do cavaquinho

Escola de Bombos de Santa Marta de Portuzelo
Grupos de bombos de Viana do Castelo

Zés Pereiras e outos grupos de percussão tradicional no Concelho

O conhecimento prático da execução dos bombos e caixas – os ciclos rítmicos genericamente chamados “toques” – transmite-se e aprende-se por observação, imitação e experimentação, não existindo uma instrução formal complexa dos executantes. Não obstante o processo de aprendizagem implica a acumulação de experiência e o conhecimento dos contextos em que os grupos atuam. (Bombo a Património, Tocá Rufar)

Fontes: Fontes: Tocá Rufar, portais municipais, páginas dos grupos

  • Academia de Percussão do Alto Minho (Santa Maria Maior)
  • Associação Grupo de Bombos Rosas de Vila Franca
  • Bombos São Sebastião (Darque)
  • Escola de Bombos de Santa Marta de Portuzelo
  • Grupo de Bombos Amigos d’Areia
  • Grupo de Bombos da Associação Cultural e Recreativa de Deocriste
  • Grupo de Bombos da Ronda Típica de Carreço
  • Grupo de Bombos de Serreleis
  • Grupo de Bombos e Fanfarra de Bárrio (Amorim)
  • Grupo de Bombos Os Amigos de Areia (Darque)
  • Grupo de Bombos Zés Pereiras Trambolhões (Castelo do Neiva)
  • Grupo Zés Pereiras do Neiva (São Romão)
  • Viana Bombos – Bombos da Casa dos Rapazes de Viana do Castelo
Escola de Bombos de Santa Marta de Portuzelo

Escola de Bombos de Santa Marta de Portuzelo

Na década de 1960, Ernesto Veiga de Oliveira identificou tocadores e construtores de bombos em Vila Mou e Vila Franca do Lima.

CONTACTOS

Associação Grupo de Bombos Rosas de Vila Franca

Email: associacaobombosrosasvf2020@gmail.com
Morada: Estrada Padre Quesado nº 1290
4935 – 682 Vila Franca

Grupo de Bombos Amigos d’Areia

Rua 3 de Julho de 1986, nº 512
Tel. (+00 351) 258 322 002
Correio eletrónico: fernandocoelho@iol.pt

Grupo de Bombos – Ronda Típica de Carreço

Apartado 224
4901 – 911 Viana do Castelo
Tlm. (+00 351) 967 532 245
Correio eletrónico: geral@rondatipicadecarreco.com

Grupo de Bombos S. Sebastião – Darque

Rua José Magalhães, 240
4935 – 094 Darque
Tel. (+00 351) 258 321 321
Tlm. (+00 351) 965 368 436
Correio eletrónico: bombos.s.sebastiao@hotmail.com

Grupo de Bombos de Santa Marta de Portuzelo

(Associação Cultural e Desportiva de Santa Marta de Portuzelo)
Rua de Santa Marta, 52
Casa do Povo
4925 -104 Santa Marta de Portuzelo

Grupo de Bombos de Areosa

Bairro do Malhão
Rua das Margaridas nº 35, Bloco L – 1º
4900-815 Viana Do Castelo
Tel. (+00 351) 258 836 047
Tlm. (+00 351) 960 317 189 / 962 451 798

Grupo Zés Pereiras do Neiva (São Romão)

Rua Além do Ribeiro, 9
4935 – 501 Neiva
Viana do Castelo
Tel. (+00 351) 253 825 7177
Tlm. (+00 351) 967 296 002

Grupo de Bombos da Associação Cultural e Recreativa de Deocriste

Estrada de Santiago nº 2746
4905 – 261 Deocriste
Tlm. (+00 351) 965 027 282
Correio eletrónico: acrdeocriste@gmail.com

Grupo de Bombos de Serreleis

Lugar do Moreno
4900 – 272 Serreleis

Grupo de Bombos do Castelo do Neiva

Castelo do Neiva
4900 Viana do Castelo
Tel. (+00 351) 258 871 913

Viana Bombos – Grupo de Bombos da Casa dos Rapazes de Viana do Castelo

Rua da Bandeira, 215
4900-560 Viana do castelo
Tel. (+00 351) 258 836 258
Tlm. (+00 351) 966 707 051 / 968 754 767
Correio eletrónico: geral@casarapazesviana.pt

TUnice - Tuna Académica Feminina do Instituto Politécnico de Viana do Castelo
Tunas de Viana do Castelo
  • Hinoportuna
  • Tuna de Veteranos de Viana do Castelo
  • Tuna Feminina do IPCA
  • TUnice – Tuna Académica Feminina do Instituto Politécnico de Viana do Castelo
Hinoportuna

Criada em 1993, a Hinoportuna surgiu como Tuna da Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viana do Castelo. Com o aval do IPVC, a antiga tuna foi reorganizada em 2000 para abranger todas as escolas, possibilitando a admissão de todos os alunos.

Morada:

Residência de Estudantes do IPVC
Largo 9 de Abril
4900-710 Viana do Castelo
Tlm. (+00 351) 915 872 074

Fonte: CMVC

Tuna de Veteranos

A Tuna de Veteranos é composta por antigos universitários que nasceram, vivem, trabalham em Viana do Castelo.
O projeto é fruto de uma ideia antiga de um grupo de tunos provenientes de várias Academias que, ao findarem os estudos e iniciarem a vida ativa, decidiram juntar-se e partilhar as diferentes experiências académicas através da música.

Morada:

Largo João Tomás da Costa 86
4900-509 Viana do Castelo
Tlm. (+00 351) 965 632 524
Sítio: www.tunadeveteranos.com
Correio eletrónico: info@tunadeveteranos.com

TUnice

Morada:

Associação Tunice – Tuna Feminina do IPVC
Residência de Estudantes do IPVC
Largo 9 de Abril
4900 -339·Viana do Castelo
Tlm. (+00 351) 918 782 667
Correio eletrónico: tunice@ipvc.pt

TUnice - Tuna Académica Feminina do Instituto Politécnico de Viana do Castelo

TUnice – Tuna Académica Feminina do Instituto Politécnico de Viana do Castelo

LETHES – Festival de Tunas Cidade de Viana do Castelo

A 8 de abril de 2017 teve lugar em Viana do Castelo o XVII LETHES – Festival de Tunas Cidade de Viana do Castelo. O Lethes coloca a cidade de “negro” com estudantes de todo país, enchendo o Centro Cultural de Viana do Castelo, com a participação de Tunas de todos país em diversas atividades culturais levadas a cabo na Cidade. Para além deste, a Igreja Matriz de Viana do Castelo é palco da Monumental Serenata com todas as tunas presentes.

O festival é organizado pela Hinoportuna – Tuna Académica do Instituto Politécnico de Viana do Castelo, com o apoio da Câmara Municipal de Viana do Castelo, IPVC, ESTG, ESS, ESE, ESCE, ESA, ESDL, IPDJ e SPAutores.

Fontes: www.portugaltunas.com, redes sociais e pesquisa em motores de busca

Grupo Folclórico das Lavradeiras da Meadela
Folclore em Viana do Castelo

Grupos Etnográficos, Tradições e Atividades no Concelho

  • Região: Minho (Alto Minho)
  • Distrito: Viana do Castelo

28 grupos

  • Grupo das Cantadeiras do Vale do Neiva
  • Grupo de Danças e Cantares da Casa do Povo de Vila Nova de Anha
  • Grupo de Danças e Cantares de Perre
  • Grupo de Danças e Cantares de S. Salvador da Torre
  • Grupo de Danças e Cantares de Serreleis
  • Grupo Etnofolclórico “Renascer” de Areosa
  • Grupo Etnográfico de Areosa
  • Grupo Folclórico da Casa do Povo de Lanheses
  • Grupo Folclórico das Bordadeiras da Casa do Povo de Cardielos
  • Grupo Folclórico das Lavradeiras da Meadela
  • Grupo Folclórico de Chafé
  • Grupo Folclórico de Danças e Cantares de Alvarães
  • Grupo Folclórico de Santa Marta de Portuzelo
  • Grupo Folclórico de S. Lourenço da Montaria
  • Grupo Folclórico de Viana do Castelo
  • Grupo Folclórico “S. Paulo da Cruz” de Barroselas
  • Grupo Folclórico Cultural Danças e Cantares de Carreço
  • Grupo Folclórico e Etnográfico de Castelo do Neiva
  • Grupo Folclórico Infantil da Associação Cultural e Desportiva de Santa Marta de Portuzelo
  • Grupo Recreativo e Cultural de Castelo do Neiva
  • Rancho Danças e Cantares de Afife
  • Rancho Folclórico das Lavradeiras de Vila Franca
  • Rancho Folclórico das Terras de Geraz do Lima
  • Rancho Folclórico do Centro Desportivo e Cultural de Outeiro
  • Rancho Folclórico Serradores do Monte de Vila Fria
  • Ronda Típica da Meadela
  • Ronda Típica de Carreço
Grupo de Danças e Cantares da Casa do Povo de Vila Nova de Anha

Largo António Roleira Marinho, nº27
Vila Nova de Anha
4935-308 Vila Nova de Anha
Telefone: 258 321 863 / 917 968 105
E-mail: anhafolclore@gmail.com

Grupo Recreativo e Cultural de Castelo do Neiva

Av. Central -Lugar de Santiago
4935-574 Castelo do Neiva
Telefone: 258 871 913 / 964 092 170 / 968 166 233
E-mail: grecane@net.sapo.pt

Grupo Folclórico de Chafé

Caminho de Campo do Forno, nº 273
4935-593 Chafé
Telefone: 258 351 717 / 965 608 536 / 914 811 014 / 934 735 159
E-mail: chafe@sapo.pt

Grupo Folclórico “S. Paulo da Cruz” de Barroselas

Rua dos Passionistas
4905 – 394 Barroselas
Telefone: 258 971 187 / 919 015 224
E-mail: gf_spaulo@net.sapo.pt
Dirigente: Rogério Cesário da Cunha Pereira

Grupo Folclórico Cultural Danças e Cantares de Carreço

Av. Paço, 1054
4900 – 045 Carreço
Telefone: 258 835 928 / 258 835 012 / 919 677 700
Fax: 258 835 321
E-mail: geral@folklorecarreco.com

Grupo Folclórico e Etnográfico de Castelo do Neiva

Rua do Rio Neiva nº622
4935 – 568 Castelo do Neiva
Telefone: 258 371 527 / 913 898 291
Fax: 258 371 527
E-mail: gfecn@sapo.pt

Grupo Folclórico da Casa do Povo de Lanheses

Estrada Nacional 202 nº 1268
Largo da Feira
4925 -411 Lanheses
Telefone: 258 733 933 / 966 923 237 / 963 153 000
Fax: 258 733 933
E-mail: casapovolanheses@sapo.pt / cpl@sapo.pt

Grupo de Danças e Cantares de Perre

Estrada da Igreja, Vila Meã
4925- 576 Perre
Telefone: 919 766 453 / 258 941 468
Fax: 258 826 854
E-mail: gdc.perre@gmail.com

Grupo de Danças e Cantares de S. Salvador da Torre

Rua da Veiga, 9
4925-610 Torre VCT
Telefone: 258 731 368 / 965 106 463

Rancho Folclórico das Lavradeiras de Vila Franca

Adro da Paróquia de S. Miguel, 57
4935 – 653 Vila Franca do Lima
Telefone: 903 063 045/258 777 144
E-mail: geral@acrvf.pt / acrvf@portugalmail.pt

Ronda Típica de Carreço

Largo Campo da Cal, nº 60
4900-278 Carreço
Telefone: 967532245
E-mail: rondatipicadecarreco@gmail.com

Grupo Folclórico de Santa Marta de Portuzelo

Lugar das Petigueiras, s/n
4925-090 Santa Marta de Portuzelo
Telefone: 258 830 060 / 919 702 702 / 932 810 237
Fax: 258 830 060
E-mail: g.smartaportuzelo@gmail.com

Grupo Folclórico da Danças e Cantares de Alvarães

Avenida de Santa Cruz, nº145
4905 – 205 Alvarães
Telefone: 258 777 705 / 966 654 155
E-mail: gfalvaraes@gmail.com
Site: www.gfalvaraes.com.sapo.pt
Dirigente: José Manuel Faria

Grupo Etnográfico de Areosa

Avenida do Meio, 464
4900 – 036 Areosa VCT
Telefone: 258 835 770 /258 835 420
963 550 550 / 964 009 465
Fax: 258 801 469

Grupo Folclórico das Bordadeiras da Casa do Povo de Cardielos

Rua da Azenha, nº221
4925 – 349 Cardielos
Telefone: 258 830 756/ 962 855 868 / 969 504 159
E-mail: casadopovodecardielos@gmail.com /
bordadeirasdecardielos@hotmail.com

Rancho Folclórico das Terras de Geraz do Lima

Rua do Fial nº 10
4905-599 Santa Maria de Geraz do Lima
Telefone: 258 731 523 / 258 730 308
962 327 692 / 967 787 217
E-mail: rf.terrasgerazdolima@gmail.com

Rancho Folclórico do Centro Desportivo e Cultural de Outeiro

Caminho do Calvário, nº24
4925 -555 Outeiro
Telefone: 258 841 691/ 919 127 955
E-mail: cedeco@portugalmail.pt
Dirigente: Filipe Videira Martins Delgado

Grupo Folclórico Infantil da Associação Cultural e Desportiva de Santa Marta de Portuzelo

Rua de Santa Marta
Edifício da Casa do Povo
4925-046 Santa Marta de Portuzelo
Telefone: 258 830 232 / 962 640 274
Fax: 258 830 608
E-mail: albano.martins@albanomartins.pt / geral@albanomartins.pt

Rancho Regional das Lavradeiras de Carreço

Avenida de Paço, 854
4900 – 045 Carreço
Telefone: 258 835 886 / 962 424 272
Fax: 258 836 739
E-mail: rlavradeiras@sapo.pt

Rancho Danças e Cantares de Afife

Lugar de Subcastro, nº1866
4900 – 012 Afife
Telefone: 258 981 639 / 969 027 729
E-mail: ranchoafifense@sapo.pt
Dirigente: Artur Manuel Ramos Silva

Grupo Folclórico de Viana do Castelo

Apartado 37
4901- 909 Viana do Castelo
Telefone: 966 164 656 / 933 378 342
E-mail: gfvc@hotmail.com / info@folcloreviana.com

Grupo Folclórico das Lavradeiras da Meadela

Edifício Martins Viana – Praça Abade Diogo Vaz Alamão, 11
4900-204 Meadela
Telefone: 258 829 000 / 919 466 646
E-mail: geral@lavradeirasmeadela.com

Ronda Típica da Meadela

Rua Padre Alfredo Guerreiro, 250
4900 – 763 Meadela
Telefone: 258 841 137 / 966 844 739
Fax: 258 829 244
E-mail: rondatipicadameadela@gmail.com

Grupo de Danças e Cantares de Serreleis

Sede: Rua Maria José Pereira de Castro Tasso de Sousa, 71
4925 – 595 Serreleis
Endereço Postal: Rua da Ribeira, 513
4925 – 598 Serreleis
Telefone: 918 149 377 / 964 064 908 / 966 318 809
Fax: 258 845 098
E-mail: folclore-serreleis@sapo.pt

Grupo das Cantadeiras do Vale do Neiva

Rua de Tourais, 70
4905 – 644 Vila de Punhe
Telefone: 966 368 757 / 963 838 315
E-mail: António_boucas@hotmail.com

Grupo Folclórico de S. Lourenço da Montaria

Lugar do Souto
4925 – 471 MontariaViana do Castelo
Telefone: 258 731 048
Telemóvel: 965 804 880

Rancho Folclórico Serradores do Monte de Vila Fria

Rua das Breiras, 167
4935-804 Vila Fria
Telefone: 258 777 080
Telemóvel: 939 654 612 / 934 141 630 / 968 453 046
E-Mail: omedsvc@clix.pt / omldvc@clix.pt / aldalario1@hotmail.com /

Grupo Etnofolclórico “Renascer” de Areosa

Rua do Sorrio, nº 165 – Areosa
4900 – 918 Viana do Castelo
Telefone: 258 836 585 / 938 192 835 / 919 962 225
E-mail: renascerareosa@gmail.com

Cantadeiras do Vale do Neiva

O grupo Cantadeiras do Neiva foi fundado em 1982 pelo etnógrafo Manuel Delfim da Silva Pereira que se dispôs a calcorrear nos anos 70, apenas com um gravador, uma máquina fotográfica e bloco de apontamentos, todas as freguesias das margens do Rio Neiva, acabando assim, por recolher verdadeiros tesouros populares, de que constam mais de uma centena de cantigas religiosas e profanas, e ainda muitas lendas, lengalengas, ditos e jogos populares.

Com tão grande manancial ao seu dispor, o grupo empenha-se em juntar um grupo de pessoas que interpretam ao vivo as cantigas, ressuscitando tão valioso património das populações das margens do Neiva.

Apresentou-se pela primeira vez em Barroselas no dia 25 de dezembro de 1982. No ano 2000, o grupo interrompeu as atividades, por doença do seu fundador. Após a sua morte, a viúva, Lassalete Gonçalves, arriscou em retomar a atividade do grupo, e mais ainda, como defendia o seu fundador e Amadeu Costa, sem instrumentos.

Lassalete convidou um conjunto de onze mulheres e três homens, promove alguns ensaios e, em 2002 apresentou-se novamente em público.

Em 2009 constituiu-se em Associação com a designação de “Associação Cantadeiras do Vale do Neiva”.

Cantadeiras do Vale do Neiva

Cantadeiras do Vale do Neiva

Grupo Etnográfico da Areosa

Fundado em 1966, o Grupo Etnográfico da Areosa é uma associação cultural que convida a fazer uma viagem ao passado, à obra artística e às tradições populares da região de Viana. E porque na Areosa o trajar tem a mesma força e a mesma vivacidade que as danças e os cantares, através deste grupo poderemos também admirar “o mais vibrante dos Trajes à Vianesa”.

É já longo o percurso internacional do grupo. Essas delegações de representação da cultura tradicional, para lá das danças, trajes e cantares, levaram a conhecer outros saberes, como o artesanato e a gastronomia.

Com sede própria, e dentro da sua atividade regular, o grupo tem promovido uma grande diversidade de atividades e sempre participou e colaborou com a organização das festas de Areosa, e de Viana do Castelo, e com o Festival de Folclore Internacional – Alto Minho. O agrupamento procura fazer do trabalho de valorização das tradições ligadas ao património material e imaterial da região um projeto com futuro.

Grupo Folclórico das Lavradeiras da Meadela

O Grupo Folclórico das Lavradeiras da Meadela foi fundado em 1934, na freguesia da Meadela. O grupo mantém vivas as tradições herdadas dos antepassados, apresentando os seus riquíssimos trajes confecionados artesanalmente, as danças, os cantares, as músicas tradicionais e reposições cénicas relacionadas com as lides agrárias, como o seu próprio nome “Lavradeiras da Meadela” sugere.

O Grupo é membro efetivo da Federação do Folclore Português e membro fundador da Associação de Grupos Folclóricos do Alto Minho. Está ainda filiado no INATEL e inscrito no Comité Internacional EUROPEADE.

Em 1995, foi declarado Instituição de Utilidade Pública.

Já em 2014, em que completou 80 anos de existência, foi galardoado pelo Município de Viana do Castelo com o Título Honorífico “Instituição de Mérito” pelos relevantes serviços prestados à cultura popular e etnografia vianenses, sendo o primeiro Grupo de Viana do Castelo a quem foi atribuída tal distinção.

Grupo Folclórico das Lavradeiras da Meadela

Grupo Folclórico das Lavradeiras da Meadela

Ronda Típica da Meadela

A Ronda Típica da Meadela foi fundada em 1960 pelo etnógrafo José Figueiras. Apresentou-se em público pela primeira vez, num serão de arte poética Luso-Galaica, organizado pela Comissão de Festas da sua freguesia. Teve a seu cargo, como simples “tocata”, composta por quatro elementos, um fundo musical de recitais de autores minhotos, de puro sabor local. Foi um passo importante para um aparecimento de um grupo de danças, músicas e cantares do Minho, tendo presente que Viana é considerada a capital do folclore.

A produção de bordados regionais e trajes, bem como a enorme variedade de trabalhos de filigrana em ouro, traduzem uma velha herança celta bem visível.

Após ter participado em festivais folclóricos nacionais, a Ronda Típica da Meadela foi convidada e atuou com grande sucesso em vários países da Europa, com especial destaque para a França, Espanha, Alemanha, Áustria, Itália e Bélgica.

As velhas tradições foram cuidadosamente preservadas.

Ronda Típica da Meadela

Ronda Típica da Meadela

Grupo Folclórico da Casa do Povo de Lanheses

Lanheses fica situada no extremo nascente do concelho de Viana do Castelo, na margem direita do rio Lima e enquadrada a norte pela Serra d’ Arga. A serra, o vale e o rio definiram, desde há muitos séculos, as tradições das terras e das gentes locais, centrando-se na agricultura, pecuária e pesca, tendo o barro vermelho constituído ponto importante na indústria local, através da cerâmica e da olaria. O rio assegurou o escoamento dos respetivos produtos e conduzindo ao aparecimento de sucessivas gerações de barqueiros até meados do século XX. A terra e as gentes são aqui detentoras de um forte património cultural.

Remontando a 1946, o grupo folclórico designou-se então de Rancho Regional de Lanheses, sendo constante a sua presença na festa do traje, levada a cabo na Romaria da Senhora da Agonia. A evolução dos tempos e a sua crescente atividade conduziram à sua reorganização, tendo recebido, em 1980, o nome de Grupo Folclórico da Casa do Povo de Lanheses.

Assume-se como fiel representante do folclore minhoto, deixando transparecer na alegria dos seus trajes, no ritmo dos seus cantares e na magia das suas danças um testemunho vivo de um passado rico em tradições culturais das gentes locais, cujos usos e costumes reflete.

Está filiado no INATEL, é membro efetivo da Federação do Folclore Português e da Associação dos Grupos Folclóricos do Alto Minho.

Banda de Música de Lanhelas
Filarmónicas de Viana do Castelo

Bandas de Música, História e Atividades no Concelho

  • Banda Filarmónica da Associação Musical de Vila Nova de Anha
  • Sociedade Musical Banda Lanhelense
  • Banda Musical Velha de Barroselas
  • Banda Nova de Barroselas, ou Banda Escuteiros de Barroselas
Banda Filarmónica da Associação Musical de Vila Nova de Anha (2011)

A história da Associação Musical de Vila Nova de Anha começou a ser escrita a 16 de dezembro de 2011, quando um grupo de pessoas decidiu criar, em Vila Nova de Anha, uma nova associação musical. Após a definição dos objetivos e linhas de orientação, iniciou-se o trabalho de estruturação da Associação.

Banda Filarmónica da Associação Musical de Vila Nova de Anha

Banda Filarmónica da Associação Musical de Vila Nova de Anha, logotipo

A Banda conta com a direção artística do maestro Francisco Lima, e conta com músicos amadores e profissionais, maioritariamente naturais de Vila Nova de Anha, mas também de outras freguesias do concelho de Viana do Castelo.

Nas diversas valências da Associação, um reportório extremamente variado faz com que seja requisitada para animar romarias, missas, casamentos, festas particulares e toda uma série de eventos onde a música está presente.

Banda Filarmónica da Associação Musical de Vila Nova de Anha

Banda Filarmónica da Associação Musical de Vila Nova de Anha

Além da música, tem promovido, ao longo dos anos, eventos de convívio, figuração em cortejos, jantares, Peddy-papers. Em dezembro de 2012 saiu o primeiro número da nossa revista Oitava Acima, uma iniciativa de alguns dos músicos, bem recebida por todos, e que veio a público com uma retrospetiva da época musical desse ano, integralmente concebida pelos mesmos músicos e direção. E o êxito foi tal que em dezembro de 2013 saiu o segundo número, igualmente bem conseguido.

Banda de Música de Lanhelas

A Banda de Música de Lanhelas foi fundada oficialmente a 1 de janeiro de 1850. No entanto, existem alguns relatos da existência da chamada então, “Musica de Lanhelas”, fundada cerca de 20 anos antes desta data.

Pela Banda passaram ainda ilustres maestros como João José da Costa ou o José Alves (conhecido como Tenente Alves) que dirigiram a banda até aos anos 70. Mais recentemente a banda foi dirigida pelo maestro José Pedro, de Viana do Castelo, pelo maestro Mota Gomes que estiveram mais de 10 anos a gerir a direção musical da Sociedade Musical. Por último, dois maestros espanhóis e dois portugueses: César Pérez, Feliciano Monteagudo, Márcio Pereira e Estefânio Cunha tendo este último abandonado a Sociedade Musical em 2015. Atualmente, a Banda é dirigida pelo maestro César Pérez, natural de Salceda.

A Banda de Música de Lanhelas aposta fortemente na formação através da Escola de Música João da Costa e Silva, que conta com mais de 50 alunos e 10 professores, distribuídos pelos vários instrumentos e pela formação musical, na qual desde 2017 conta com uma Banda Infantil.

Em anos anteriores, a Sociedade Musical foi responsável pela organização da Orquestra Sinfónica do Alto Minho e da Banda Sinfónica do Alto Minho, trazendo a Lanhelas músicos oriundos dos mais variados pontos do país e de Espanha.

Banda de Música de Lanhelas

Banda de Música de Lanhelas

Participou em inúmeras de festividades e em todo o tipo de eventos culturais como romarias, procissões, concertos, encontros de Bandas, concursos, geminações de Municípios, gravações, receções oficiais, homenagens e atos solenes.

Banda Musical Velha de Barroselas

A Banda Musical Velha de Barroselas é a mais antiga agremiação musical do concelho e a associação cultural de mais provecta idade existente naquela vila do Vale do Neiva.

Fundada por Manuel José Meira de Oliveira, a Banda Musical Velha de Barroselas nasceu, provavelmente, em 1859, abençoada por Frei Custódio de Jesus Vieira Lopes, abade de Capareiros, que em jeito de profecia terá dito no ato da bênção: “… Tomai os vossos instrumentos e com a vossa música louvai o Senhor, que se assim fizerdes, nunca mais esta banda há-de acabar…”. A sua primeira apresentação pública documentada aconteceu em 24 de julho de 1864, na inauguração da Capela de Santa Ana em Carvoeiro. Esses documentos pertencem à Paróquia de Carvoeiro e existem cópias no acervo da Banda.

A história da Associação facilmente se confunde com a história da Vila: animava a Feira das Cinzas, feira anual de Barroselas. Tocou na inauguração da Ponte de Vale que sobre o rio Neiva, que liga Barroselas a Tregosa, no ano de 1937. Esteve na inauguração da luz elétrica em 1951. Participou na inauguração do restauro da Igreja Matriz de Barroselas no ano de 1959. Tocou na inauguração da rede de água domiciliária em 1985, nas festas da elevação de Barroselas a Vila, em 1988, na inauguração do Quartel do Bombeiros Municipais de Viana do Castelo em 1999.

Em 2004, perante um Teatro Municipal Sá de Miranda pleno de público e com a presença das autoridades públicas do distrito, executou o Concerto de Ano Novo, que deu origem a um DVD para fins educacionais. Esteve na inauguração das Piscinas Municipais de Barroselas em 2004, cerimónias com as Autoridades Públicas da Região e o Ministro do Desporto, Luís Arnault; na inauguração do Centro Escolar de Barroselas em 2005. A convite da VALIMAR, ComUrb Associação dos Municípios do Vale do Lima, participou na gravação de um CD, em Ponte de Lima, e no Encontro de Bandas da VALIMAR, ComUrb realizado em Ponte da Barca onde estiveram presentes todas as bandas filarmónicas dos municípios envolvidos, em 2005.

Tocou na abertura da Marcha pelos 748 anos de História de Viana do Castelo, a convite da Câmara Municipal de Viana do Castelo, em Agosto de 2006; nas receções às entidades Governamentais e Presidenciais em Viana do Castelo para a execução dos hinos nacional e da Maria da Fonte. Em 2011, participou na comemoração dos 25 anos da Associação Desportiva de Barroselas, executando e estreando o Hino da ADB (Associação Desportiva de Barroselas). Em 2012, em Vila Nova de Cerveira, recebeu honrosamente o convite de participar no VII Festival de Bandas e teve a responsabilidade de ser a representar de todas as Bandas Filarmónicas do Distrito de Viana do Castelo, onde executou peças de grandes compositores do Distrito de Viana do Castelo, como sendo Miguel de Oliveira e Artur Ribeiro Dantas, homenageando e recordando assim estes compositores vizinhos.

Ao longo dos seus 150 anos de existência, os seus catorze maestros dirigiram centenas de executantes, que por todo o país e vizinha Galiza, promoveram e popularizaram a arte dos sons e prestigiaram a sua terra e concelho.

Escola e alfobre de excelentes executantes, prestou por isso relevantes serviços a cultura musical faceta que continua a privilegiar através da sua ativa Escola de Musica em funcionamento desde 1984.

Tão bons serviços prestados com dedicação e persistência durante tão longo período, mereceram atenção da Câmara Municipal de Viana do Castelo, que em 1996 resolveu consagrá-los atribuindo à vetusta agremiação musical o título de Instituição de Mérito, seguindo-se a Junta de Freguesia de Barroselas em 2004 e, em 2008 foi reconhecida como Instituição de Utilidade Pública.

Isaac Damasceno Oliveira Rego, que tomou posse da regência em 1984, fez um grande esforço no sentido de renovação e valorização, modernizando o instrumental e conferindo ao grupo disciplina e aprumo dignificantes que realçam o seu bom nível artístico. Em 2010 decidiu passou a liderança da Banda tendo sido escolhido para seu sucessor e da prata da casa, Jorge Pires, que se estreou no ano de 2011 na regência da Associação.

Banda Musical Velha de Barroselas

Banda Musical Velha de Barroselas

Banda Nova de Barroselas, ou Banda Escuteiros de Barroselas

Fundada em 1934 por Armindo dos Santos Barbosa, a Banda Escuteiros de Barroselas surgiu ao mesmo tempo que o respetivo grupo de escutas, tendo-o acompanhado na missa da primeira Promessa de Escuteiros a 29 de junho de 1934, dia de S. Pedro, padroeiro da freguesia, tendo abrilhantado também a procissão. A iniciativa teve tal sucesso que começaram a ser convidados para se apresentarem em freguesias vizinhas.

Banda Nova de Barroselas, ou Banda Escuteiros de Barroselas

Banda Nova de Barroselas, ou Banda Escuteiros de Barroselas

Menos de uma dezena de anos após a sua fundação e por imposição do regulamento do Corpo Nacional de Escutas, a banda desvinculou-se do grupo de escutas. No entanto, o nome original manteve-se.

Banda Nova de Barroselas, ou Banda Escuteiros de Barroselas

Banda Nova de Barroselas, ou Banda Escuteiros de Barroselas