Órgãos de tubos do concelho de Valongo [4]

De acordo com as informações disponíveis, existem órgãos de tubos nas seguintes igrejas do Concelho:

Igreja de Santa Rita

[ Santuário de Santa Rita ]  [ do Colégio de Santa Rita ] Ermesinde

A 12 de outubro de 1749 foi lançada a primeira pedra do convento dedicado a Nossa Senhora do Bom Despacho e Santa Rita. No local, uma quinta no lugar da Mão Poderosa, doada por Francisco da Silva Guimarães e mulher à congregação dos Religiosos Eremitas Descalços de Santo Agostinho, já existia uma ermida. Esta veio provavelmente a ser substituída por volta de 1800, com a construção da atual Igreja de Santa Rita ou da Formiga, como é também é conhecida. A igreja é uma referência do barroco portuense, de decoração interior neoclássica. Durante o Cerco do Porto, entre 1832 e 1833, o convento serviu de hospital das tropas absolutistas, tendo tido a visita de D. Miguel. Com o liberalismo foi extinta a congregação e vendido o convento. Ao longo dos tempos foi tendo diversas funções ligadas com a educação. Com a República tornou-se um Internato e depois Colégio de Ermesinde, como ainda é conhecido. É local de peregrinação regional para onde convergem devotos durante todo ano. O culto mais significativo é o de Santa Rita, cujo dia se comemora a 22 de maio, sendo a festa, uma das mais importantes do concelho de Valongo, no segundo domingo de junho.

Fonte: CMV

Igreja de Santa Rita

Igreja de Santa Rita

O coro alto sobre a entrada alberga um órgão Orgelbau Goll AG, 2002, órgão de dois manuais e pedaleira com acoplamentos.

Coro alto e órgão

Órgão da Igreja de Santa Rita

Órgão da Igreja de Santa Rita

Manúbrios da esquerda e manuais

Órgão da Igreja de Santa Rita

Órgão da Igreja de Santa Rita

Manúbrios da direita

Órgão da Igreja de Santa Rita

Órgão da Igreja de Santa Rita

Igreja Paroquial de Campo

[ São Martinho ]

Igreja Matriz de São Martinho do Campo

Igreja Matriz de São Martinho do Campo

Coro alto e órgão

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Teclados

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Manúbrios da direita

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Manúbrios da esquerda

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Pisantes

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Tubos da pedaleira

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Pisantes

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Traseiras

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Placa de bênção e inauguração

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Vista do presbitério

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Órgão da Igreja Paroquial de Campo

Igreja Matriz de Sobrado

[ Igreja Paroquial ] [ Santo André ]

Igreja Matriz de Sobrado

Igreja Matriz de Sobrado

Dedicada a Santo André, a Igreja Matriz de Sobrado é um edifício de arquitetura religiosa de construção seiscentista (1671) de uma só nave e harmoniosa traça barroca. A maior parte do seu património é do séc. XVIII. Ostenta no seu interior azulejo decorativo e talha dourada que tornam este templo no expoente máximo do barroco no concelho de Valongo. O retábulo mor, feito num período de coexistência do barroco com o rococó, recebe duas bem conseguidas imagens de Santo André e de São Francisco de Assis. A sobrepujar o retábulo, há duas curiosas alegorias à Fé e à Esperança. De destaque é ainda o perfeito trabalho de talha do teto da capela-mor, que mais parecem bordados executados em madeira, onde se encontram representados desde aves a anjos músicos. A Ceia de Cristo, do famoso pintor Francisco José de Resende, é digna de destaque. A edificação da torre sineira é um projeto posterior, concluída somente em 1874. A casa paroquial de 1691 foi alvo de intervenções recentes. Na envolvente encontra-se um fontanário granítico também barroco. No Passal, onde existe um cruzeiro e um elemento escultórico dedicado aos Bugios e Mourisqueiros, é onde, no dia de S. João, decorrem as tradicionais Bugiadas e Mouriscadas.

Fonte: CMVV

Igreja Matriz de Valongo

[ Igreja Paroquial ] [ São Mamede ]

Igreja Matriz de Valongo

Igreja Matriz de Valongo

A Igreja Matriz de Valongo é um edifício de arquitetura religiosa. Com autorização régia a edificação iniciou-se, em 1794, com a ajuda de um imposto sobre bens alimentares, alargado, em 1796, à imposição de cinco reis sobre cada alqueire de trigo. Ainda em construção, em 1809, foi quartel das tropas invasores francesas. Já em 1823 teve a celebração da missa nova e, em 1837, na sacristia ocorreu a primeira reunião da vereação do concelho de Valongo, entretanto criado em 1836. De arquitetura neoclássica segue a traça da igreja da Lapa, Porto. A imponência da volumetria destaca-se na paisagem e no seu interior encontramos um excelente espólio de meados do séc. XIX. A decoração dos tetos engloba um interessante conjunto de pinturas com os evangelistas, na capela-mor, e emblemas marianos, na nave. Os altares neoclássicos foram concebidos para receber imagens dos mais conceituados imaginários, encarnadores e pintores da época, como João Baptista Ribeiro, João António Correia e Francisco José Resende. Nas imediações encontra-se a capela do Senhor dos Passos, que serviu de igreja paroquial, enquanto durou a construção da matriz.

Fonte: CMV

O coro alto construído sobre a entrada alberga um órgão de um teclado manual e pedaleira [ I+P ; 7 (2+2) ] construído por Peter Conacher & Co, em 1881, reparado pela Oficina e Escola de Organaria, de Pedro Guimarães e Beate von Rohden, com sede em Esmoriz, trabalho executado em 2011, opus 58.

Coro alto e órgão

Órgão da Igreja Matriz de Valongo

Órgão da Igreja Matriz de Valongo

Órgão no coro alto

Órgão da Igreja Matriz de Valongo

Órgão da Igreja Matriz de Valongo

Montra

Órgão da Igreja Matriz de Valongo

Órgão da Igreja Matriz de Valongo

0 comentários

Deixe um comentário

Quer participar?
Deixe a sua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *