Vitorino Salomé, cantor, de Redondo
Músicos naturais de Redondo

Projeto em desenvolvimento, o Musorbis aproxima os munícipes e os cidadãos do património musical e dos músicos do Concelho.

Janita Salomé

João Eduardo Salomé Vieira, conhecido por Janita Salomé, nasceu na vila alentejana de Redondo. É um dos mais novos dos cinco irmãos Salomé, onde se inclui Vitorino, todos eles herdeiros de uma forte tradição musical familiar que o pai incentivou.

Apesar de cantar desde os nove anos, a veia artística de Janita só foi verdadeiramente assumida aos 16 quando integrou, como baterista e vocalista, o conjunto Planície e, mais tarde, os Vagabundos do Ritmo. Mas Janita não tinha ainda encontrado o rumo musical que desejava seguir. Esse apenas surgiria na sequência do 25 de Abril de 1974 e do encontro com a música de José Afonso, que o inspirou a investigar e a trabalhar a tradição musical popular.

Depois de participar em discos de seu irmão Vitorino, que abraçara a tempo inteiro uma carreira musical, fundou, em 1977, com ele e os restantes irmãos, o Grupo de Cantadores de Redondo, que se dedica, ainda hoje, a perpetuar a tradição do cante alentejano.

Leia AQUI a biografia completa.

Janita Salomé

Janita Salomé, cantor, de Redondo

Janita Salomé, cantor, de Redondo

Vitorino

Vitorino Salomé Vieira, ou apenas Vitorino, como é conhecido,  é um cantor português, nascido no Redondo, Alentejo, em 1942, numa família de músicos. Em sua casa ouvia música desde que nasceu, tocada pelos  tios, e neste ambiente cresceu, como os seus quatro irmãos, todos igualmente músicos. Vitorino é o terceiro dos cinco; o cantor Janita Salomé é o quarto.

A sua música combina o folclore tradicional do Alentejo e o estilo urbano e popular da sua voz.

Conheceu Zeca Afonso, de quem se tornou amigo, quando estava a fazer a recruta no Algarve. Fixou-se em Lisboa a partir dos 20 anos, onde se associou à noite, às tertúlias e aos prazeres boémios. Em 1968 entrou para o Curso de Belas Artes. Emigrado em França, estudou pintura. Colaborou em discos de José Afonso, “Coro dos Tribunais”, e Fausto. Atuou no célebre concerto de março de 1974, I Encontro da Canção Portuguesa, que decorreu no Coliseu dos Recreios. Lançou nesse ano o seu primeiro single: “Morra Quem Não Tem Amores”.

Participou no disco “Cantigas de Ida e Volta” conjuntamente com outros nomes como Fausto, Sheila e Sérgio Godinho.

Leia AQUI a biografia completa.

Vitorino Salomé

Vitorino Salomé, cantor, de Redondo

Vitorino Salomé, cantor, de Redondo